Cheia histórica do Rio Solimões preocupa criadores de gado no Amazonas | Globo Rural

0
20


A cheia histórica do Rio Solimões, no Amazonas, preocupa os criadores de gado. A água está demorando para baixar e muitos animais estão morrendo de fome.

O trecho do rio no município de Manacapuru superou em 8 centímetros a marca de 2015, a última grande referência. Na região, a quantidade de alimento não é suficiente e nem nutritiva para engordar o gado.

Além disso, as vacas estão tendo os tetos feridos por causa das piranhas. Com isso, o animal não consegue mais amamentar os bezerros e alguns precisam ser sacrificados.

Até maio, cerca de 400 cabeças de gado já haviam morrido, alta de 20% na comparação com o mesmo período do ano passado, segundo a Agência de Defesa Agropecuária e Florestal do Amazonas (ADAF).

Saiba mais na reportagem completa no vídeo acima.

VÍDEOS: mais assistidos do Globo Rural



Fonte: G1