Preso suspeito de matar adolescente a tijoladas “por engano” na CIC

0
85



O homicídio aconteceu no dia 30 de outubro de 2018, no bairro Cidade Industrial de Curitiba (CIC). Segundo as investigações, o adolescente teria sido morto por engano, já que o suspeito o teria confundido com um possível rival do tráfico de drogas.

“A morte foi por engano porque o Rodrigo tinha ido com uma amiga até uma casa de um conhecido na CIC na noite do dia 30 de outubro. Eles tinham a intenção de dormir lá. Só que chegaram ao local e o amigo não estava. Como eles não tinham dinheiro para a condução,para voltar, Rodrigo, que era usuário de drogas, resolveu oferecer um papelote de cocaína no bairro para conseguir cigarro ou pelo menos R$ 5 para o transporte. O Chorão achou que ele estava tentando traficar no bairro que ele dominava e começou a agredi-lo. A vítima conseguiu correr, mas Chorão o alcançou e o matou a tijoladas. A amiga viu tudo, mas conseguiu escapar”, disse o delegado Tiago Nóbrega, da DHPP.

A vítima, que não tinha passagem pela polícia, teve sua cabeça esmagada com as agressões. “Não temos dúvidas de que foi o Chorão o autor do crime. Ele tem uma tatuagem com duas lágrimas no rosto e foi reconhecido prontamente pela amiga da vítima. temos informações também que, quando ele era adolescente, foi internado pelo ato infracional de homicídio contra outra pessoa, também a tijoladas”, completou o delegado.

O suspeito, que já encontrava-se preso por tráfico de drogas, agora responderá também pelo crime de homicídio.