Microcelular é encontrado dentro de tubo de pomada ao entrar em cadeia

0
63



De acordo com o Departamento Penitenciário (Depen), o fato ocorreu durante um procedimento de revista de pertences destinados aos presos. A caixa com o medicamento foi passada no aparelho de raio-x, sendo imediatamente identificada a irregularidade.

A sacola onde o aparelho estava com o tubo de pomada, tinha a identificação de um preso da 6ª galeria.

O responsável por deixar os pertences na unidade deixou o local logo após a entrega, mas foi identificado. As informações sobre ele foram repassadas à Polícia Militar que registrou a ocorrência.