Gangue do Rolex é presa após novo assalto no Batel: “Tá difícil, necessito, senhor”

0
48



Outros três suspeitos conseguiram fugir desta primeira abordagem. Porém, foram descobertos pela PCPR e presos em um ônibus já próximos ao estado de São Paulo, por volta das 22h30. Com eles foi encontrado um relógio Rolex roubado.

“Nossa equipe foi até a casa dos suspeitos, na Vila Nossa Senhora da Luz, na CIC, após a prisão do outro integrante. Lá, encontraram bilhetes de passagens de ônibus de São Paulo para Curitiba, o que fez concluir que eles poderiam estar indo para a capital paulista. Na rodoviária, os policiais localizaram o ônibus que os suspeitos poderiam estar, acionaram a Polícia Rodoviária Federal e na interceptação encontraram os outros três integrantes. Eles estavam com dinheiro, dois Rolex roubados, sendo que dois já tinham mandado de prisão em aberto”, afirmou o delegado Marcelo Magalhães, da delegacia de Furtos e Roubos.

Os indivíduos fazem parte do grupo investigado na operação Cronos, deflagrada no último dia 28 de agosto, há menos de um mês.

Os quatro homens vieram juntos de São Paulo para Curitiba e cometeram ao menos dois crimes só nesta quinta-feira, segundo a polícia.


“Necessito, senhor”

O grupo criminoso age de forma semelhante em todos os crimes. A maioria dos roubos acontece enquanto as vítimas estão dentro de seus veículos parados em congestionamentos com a utilização de motos com a logomarca falsa de aplicativos de entrega.

Prevalecendo-se de um momento de distração, os criminosos surpreendem o motorista e o ameaçam de morte utilizando uma arma de fogo, bem como, outros ocupantes do automóvel – geralmente esposas e filhos.

Na delegacia, um dos suspeitos identificado como Bruno, com a tatuagem de Jesus Cristo, disse a razão dos assaltos: “Necessito, senhor. Passo dificuldade em casa. Tá (sic) difícil arrumar serviço pra quem tem passagem né?”.

Outros três suspeitos estão foragidos, inclusive o que apareceu em um vídeo praticando um assalto no dia 10 de agosto deste ano, na avenida Pedro Viriato Parigot de Souza, que foi filmada e viralizou nas redes sociais. Nas imagens, é possível ver claramente um indivíduo em cima de uma motocicleta, dando voz de assalto em posse de um revólver e roubando um relógio Rolex do condutor de veículo parado no trânsito.

Relembre a ação criminosa flagrada no dia 10 de agosto:

Ladrões de relógio: Polícia faz operação contra quadrilha de ‘falso entregador’ em Curitiba