Briga entre moradores de rua deixa homem gravemente ferido em Cabo Frio

0
122


Em junho desse ano, a reportagem do Plantão dos Lagos apontou para o descaso da Prefeitura de Cabo Frio em relação ao serviço de proteção social, no que se refere ao tratamento e atenção às pessoas em situação de rua do município. Depois disso, o governo municipal fez uma ação na cidade, que durou menos de 15 dias e as pessoas em situação de rua voltaram a frequentar os mesmos locais de sempre, sem serem importunadas. São muitas pessoas que se aglomeram pelas calçadas, no Morubá (calçadão da Remmar), na Praça de São Cristóvão (onde lotam todas as noites a concha acústica), nos cruzamentos da Raul Veiga, no Centro, e em vários outros pontos da cidade, inclusive, na Praia do Forte, onde dormem à noite no meio das Dunas.

Na noite dessa terça-feira (06/08) um homem em situação de rua teve que ser resgatada pelo Corpo de Bombeiros enquanto aparentemente dormia no Largo de Santo Antônio, próximo ao Convento. Uma pessoa que passava pelo local percebeu que o homem estava com um ferimento grave na cabeça e chamou a Polícia Militar. Ele foi levado para o Hospital Municipal São José Operário, em São Cristóvão e testemunhas informaram que o ferimento foi decorrente de uma briga que ele teve com outro morador de rua na noite anterior.

“E essas brigas são comuns, assim como o consumo de álcool e drogas, em plena luz do dia, na vista de todos os moradores, menos dos técnicos responsáveis pelo acolhimento da Secretaria Municipal de Assistência Social”, disse um morador da Praça de São Cristóvão, que testemunha diariamente a rotina dos moradores em situação de rua no local. Até o fechamento dessa matéria a Prefeitura de Cabo Frio não havia se pronunciado sobre o assunto.

VEJA A MATÉRIA PUBLICADA EM JUNHO PELO PLANTÃO. A REALIDADE NÃO MUDOU! CLIQUE AQUI!