Vídeo mostra momento em que suspeito bate contra carro durante perseguição policial em Curitiba

0
28


Câmeras de segurança registraram o exato momento em que um suspeito dirigindo um carro roubado bate contra outro veículo durante perseguição policial, nesta segunda-feira (26). Ele morreu em confronto com policiais militares no bairro Capão Raso, em Curitiba.

No vídeo (assista abaixo), é possível perceber que o Fiat Pálio preto, dirigido pelo suspeito, surge em alta velocidade e bate contra um carro estacionado entre as ruas João Rodrigues Pinheiro e Fátima Bark. Na sequência, o carro roda na pista e para.

 

 

Três testemunhas que estavam em frente ao local do acidente saem para ver o que teria acontecido e percebem que o veículo estacionado havia sido atingido. Minutos depois, outras viaturas da Polícia Militar chegam no local. Neste momento, o suspeito reage e há o confronto.

Perseguição

De acordo com a polícia, o carro que aparece nas imagens foi roubado durante uma assalto à mão armada na última terça-feira (20), no bairro Pilarzinho, também em Curitiba. O suspeito foi perseguido e causou acidentes que deixaram, ao menos, três pessoas feridas.

 

Foto: Marcelo Borges/Banda B

 

Um motociclista chegou a ser atingido pelo carro e ficou ferido. “Um motociclista estava no chão. Além disto, uma mulher e uma criança estavam feridas dentro do carro. Sorte que logo veio o Siate para socorrê-los. O carro, depois de fazer a batida, continuou e desceu a rua em alta velocidade”, disse um morador.

Confronto

Após o primeiro acidente, cerca de oito quadras à frente, houve a troca de tiros. Um morador da região viu o momento em o Pálio surgiu em alta velocidade.

“Ele também acertou o muro de uma casa e um poste de luz aqui da rua. Então, a polícia chegou e houve o confronto que terminou com ele morto”, disse Márcio Rodrigues à Banda B.

 

Foto: Marcelo Borges/Banda B

 

O capitão Gonçalves, do 13º Batalhão da Polícia Militar afirmou que o suspeito reagiu à abordagem dos policiais. “Infelizmente ele fez isto. A perícia virá para identificá-lo e também a arma que ele usou no confronto”, contou.



Fonte: Banda B