Suspeito de matar instrutor de academia em frente de casa tem prisão decretada e está foragido

22

A Polícia Civil do Paraná identificou o suspeito de matar a facada o instrutor de academia Jefferson Santos, de 30 anos, no último dia 5, em Curitiba. Jonathan Marinho teve a prisão decretada e é procurado pela polícia. A principal linha de investigação aponta para um latrocínio, já que o carro de Santos foi levado pelo autor. Porém, não se descarta outras motivações, entre elas a de um crime passional.

O instrutor foi esfaqueado no pescoço em frente da própria casa, na Rua Jeremias Eugênio Fernandes, no bairro Tatuquara. Ele estava voltando do trabalho e, no momento em que foi abrir o portão da residência para entrar com o carro,  foi surpreendido por dois ladrões. Segundo a polícia, Marinho deu a facada e o outro fugiu com o carro da vítima.

Jefferson Santos morreu em frente de casa – Reprodução

“Temos a identificação do autor da facada e a prisão já foi decretada. O outro suspeito ainda não foi identificado. Nossa principal hipótese é de latrocínio (roubo seguido de morte), mas não descartamos outras linhas de investigação”, afirmou o delegado Reinaldo Zequinão.

O carro do instrutor, levado após o crime, foi localizado incendiado horas depois.

Segundo o delegado, o suspeito não tem passagem pela polícia. Se alguém tiver informações sobre o suspeito, ligar para o fone 0800 6447 141 e denunciar de maneira anônima o paradeiro dele.

Relacionada:


Fonte: Banda B