sábado 15 maio 2021 03:25:37
Início Na Mira da Lei Secretaria da Saúde alerta sobre golpistas se passando pela Vigilância Sanitária em...

Secretaria da Saúde alerta sobre golpistas se passando pela Vigilância Sanitária em Curitiba; entenda

0
9


A Secretaria Municipal da Saúde (SMS) de Curitiba alerta prestadores de serviços e estabelecimentos sobre uma nova tentativa de golpe em prática na cidade. Por telefone, pessoas usando o nome Vigilância Sanitária entram em contato com empresas com alegação de que o estabelecimento foi denunciado.

Na ligação, os golpistas informam que o responsável pela empresa deve preencher um questionário com dados e contatos para a abertura de inquérito e apuração da denúncia. O golpista alega que, para formalizar o inquérito, será enviado um código pelo WhatsApp e que a pessoa deve repassá-lo para o atendente. O código é na verdade para clonagem do telefone e acesso a lista de contatos de clientes.

A Vigilância Sanitária alerta que não faz contato por telefone para solicitar informações de empresas. Quanto à apuração de denúncias, todas são realizadas com inspeção in loco por equipes devidamente identificadas.

Foto: Reprodução

“Ao receber este tipo de ligação, não passe informações cadastrais e nem contato e faça boletim de ocorrência para que a polícia possa investigar e chegar até os criminosos”, informa Rosana Zappe, diretora do Centro de Saúde Ambiental da Secretaria Municipal da Saúde de Curitiba.

A SMS foi alertada por uma clínica médica que recebeu a ligação na última quarta-feira (14/4) e acabou repassando as informações aos golpista. Após fornecer o código e ter o celular reiniciado automaticamente, a responsável pelo estabelecimento desconfiou do procedimento e entrou em contato com a Vigilância de Curitiba. A empresa adotou todas medidas legais e a rede de clientes também foi alertada.

As taxas de serviço da Vigilância Sanitária são recolhidas por meio de Documento de Arrecadação Municipal (DAM) e referentes à licença sanitária e aprovação de projetos, portanto, sem vínculo com qualquer tipo de publicação.



Fonte: Banda B

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui