Polícia flagra cassino clandestino na RMC: “Não consegui acreditar que seria verdade”, conta delegado

0
12


A Polícia Civil flagrou nesta segunda-feira (01) um cassino clandestino em Pinhais, na Região Metropolitana de Curitiba. Dezessete pessoas, a maioria idosa, estavam aglomeradas, praticando o jogo ilegal, além de descumprir as medidas preventivas estabelecidas pelo Decreto nº 6.983/21, publicado na sexta-feira (26) para conter o avanço da Covid-19.

Foto: Reprodução

De acordo com o delegado do Centro de Operações Policiais Especiais (Cope) da Polícia Civil, Rodrigo Brown de Oliveira, a equipe recebeu denúncias de que o local atendia aproximadamente 50 pessoas por dia. “Em um primeiro momento, até não consegui acreditar de que seria verdade. Na hora do almoço, os policiais civis ficaram um tempo em observação e constataram um fluxo de pessoas entrando e saindo, o qual chamava a atenção por possuir muitas câmeras de segurança, mas nenhuma indicação de atividade comercial.”

Ao chegar ao local a equipe constatou que, além da prática ilegal do jogo, os frequentadores também estavam em desacordo com as novas medidas estabelecidas pelo Governo do Estado. Muitos não usavam máscara e não havia álcool em gel disponível.

Foto: Reprodução

As pessoas praticavam vários tipos de jogos ilícitos, entre fichas, dados, máquinas e carteado. Além disso, o local é fechado, sem ventilação, propício para a propagação do novo coronavírus, de acordo com o delegado.

“Aqui o movimento é maior à noite, mas quando tivemos conhecimento, preferimos cessar a atividade, justamente para evitar o risco de mais pessoas ficarem aglomeradas e precisarem ser conduzidas à delegacia, aumentando o risco de todos os policiais e dos presentes em relação à contaminação pela Covid-19”, explicou o delegado.

Foto: Reprodução

As 17 pessoas que estavam no local foram encaminhadas à delegacia. Quinze delas assinaram termos circunstanciados e duas foram responsabilizadas por descumprimento de medidas sanitárias e pela prática de jogos ilegais. As máquinas, fichas, dados, baralho e outros materiais utilizados nos jogos foram apreendidos.



Fonte: Banda B

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui