PF deflagra operação para prender suspeitos de roubo a agência da CEF em Curitiba

0
51

A Polícia Federal deflagrou, na manhã desta terça-feira (7), a operação Fuga da Toca, que cumpre dois mandados de prisão preventiva e um mandado de busca e apreensão contra dois suspeitos de participarem do roubo contra a Caixa Econômica Federal, no bairro Tatuquara em Curitiba, no dia 30 de setembro de 2019.

Os suspeitos, no dia do roubo, conseguiram fugir do cerco policial. Na ocasião seis indivíduos participaram da execução do roubo contra a instituição bancária, sendo que quatro suspeitos morreram após entrar em confronto com equipes policiais.

Os mandados judiciais foram cumpridos nas cidades de Mandirituba e Fazenda Rio Grande, no Paraná, e Chapecó, em Santa Catarina.

Os presos serão indiciados pelos crimes de roubo qualificado, dano qualificado, posse e porte de arma de fogo de calibre permitido, crimes cujas penas podem chegar a 20 anos de prisão.

Assalto na CEF do Tatuquara dia 30.09.19- Reprodução

O assalto

Homens fortemente armados assaltaram a agência da CEF no dia 30 de setembro. Na ação, o grupo usou clientes e funcionários como um “cordão humano” para facilitar a fuga.

Imagens feitas por uma testemunha mostraram a movimentação do lado de fora. Dezenas de pessoas aparecem com as mãos na cabeça. Em determinado momento, os reféns começam a correr e tiros são disparados para o alto. (Assista aqui)

“Foi cena de filme. Terrível. Colocaram umas 30 pessoas do lado de fora pra protegê-los de um confronto e começaram a atirar pra cima pra fugir. Vimos tudo de dentro do nosso comércio aqui. Foi um pânico”, contou uma testemunha.

 

Veja matéria do assalto no dia 30.09.19:


Fonte: Banda B