Duas mulheres foram presas suspeitas de furtarem pelo menos três lojas, na tarde desta terça-feira (3), no Centro de Curitiba. Ao todo, sete vítimas da dupla — monitorada por tornozeleira eletrônica — foram ouvidas pela Polícia Militar (PM).

Segundo a sargento Márcia, da PM, policiais do serviço reservado receberam denúncias sobre os furtos cometidos pelas mulheres na região central de Curitiba. Em determinado momento, os policiais flagraram as suspeitas e acompanharam o trajeto delas.

Foto: Eliandro Santana/Banda B

“Após os furtos, elas pegaram um carro de aplicativo e foram até o bairro Campina do Siqueira, onde foram abordadas. Os policiais haviam acompanhado toda a movimentação”, explicou Márcia à Banda B.

Na casa de uma das suspeitas, a polícia encontrou vários produtos que teriam sido furtados, além de munições e dinheiro em espécie.

“Essas mulheres já têm passagens pela polícia e, recentemente, estiveram presas na Central de Flagrantes”, prosseguiu a policial.

De acordo com a PM, além de serem monitoradas por tornozeleira eletrônica, no último dia 22 a Justiça expediu um mandado de prisão contra uma das mulheres pelo crime de furto.