Mulher de 85 anos é resgatada em situação análoga à escravidão

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp


Foram 72 dos 85 anos de vida trabalhando para três gerações de uma mesma família sem receber salário, sem ter qualquer direito trabalhista, sem ter acesso a uma cama sequer. Assim foi a vida da mulher que vivia em condições análogas a escravidão numa casa na Zona Norte do Rio e foi libertada no dia 15 de março.

De nove meses: Presa grávida, golpista de SC é levada para hospital e tem bebê no Rio
— Ela não tem qualquer noção de que foi escrava esses anos todos – relatou Cristiane Lessa, diretora da central de idosos da Secretaria Municipal de Assistência Social que está acompanhando o caso.

De acordo com o auditor fiscal do Ministério do Trabalho Alexandre Lyra, que fez o resgate, ela trabalhava como cuidadora de uma senhora de idade próxima a dela.

Centro da cidade: Projeto prevê investimentos para restauração de prédios históricos do Rio

Em seguida, ela foi levada para a Clínica da Família Assis Valente, onde atualizou a caderneta de vacinação e passou por uma consulta médica.



Fonte: Fonte: Jornal Extra