Marido se entrega à polícia e confessa que matou esposa com golpes de martelo na RMC

0
31


O marido de Rafaela Maestri de Lima , de 27 anos, encontrada morta no sofá de casa, em São José dos Pinhais, na região metropolitana de Curitiba (RMC), no último domingo (5), se apresentou à polícia nesta sexta-feira (9) e assumiu a autoria do crime.

Segundo o delegado Fábio Machado, que acompanha o caso, Jeferson Batista de Medeiros, alegou que estava sob efeitos de drogas no momento do crime e que teria sido ameaçado por Rafaela com a mesma arma – um martelo – que cometeu o crime.

Foto: Colaboração

“Ele se apresentou voluntariamente e assumiu a autoria do crime. Disse que estaria drogado e também estaria sendo ameaçado pela vítima com o mesmo martelo que ele teria vitimado a Rafaela”, explicou o delegado.

De acordo com Machado, segundo as investigações, havia um histórico mútuo de violência entre o casal.

“Um relacionamento conturbado, eram agressões de ambas as partes. No dia anterior ao crime, ela teria agredido o rapaz com uma garrafada, teria jurado ele de morte. Era uma relação bem complicada”, explicou.

Rafaela Lima – Redes sociais

Jeferson foi preso e encaminhado à Delegacia de São José dos Pinhais.

O caso

Com marcas de agressão na cabeça, Rafaela Maestri de Lima – de 27 anos – foi encontrada morta no sofá de casa, em São José dos Pinhais, na região metropolitana de Curitiba (RMC). A sogra de Rafaela chegou na residência e, ao ver que tudo estava aberto, achou que era um arrombamento e chamou a polícia. Ela não entrou na casa.

Em seguida, a sogra foi até a casa da filha, que resolveu ir até a casa da cunhada. Foi ela que encontrou o corpo de Rafaela no sofá.





Fonte: Banda B