Dois suspeitos de matar a facadas instrutor de academia no Tatuquara são presos

40

Dois suspeitos de envolvimento na morte do instrutor de academia, Jefferson Santos, de 30 anos, foram presos pela Polícia Civil na madrugada desta quinta-feira (25). Santos morreu após ser esfaqueado no pescoço, em frente de casa, na rua Jeremias Eugênio Fernandes, no bairro Tatuquara, em Curitiba. Ambos foram identificados e tiveram a prisão decretada na terça-feira (23). Um deles fugiu levando o carro da vítima e o outro correu pelas ruas do bairro, conforme imagens divulgadas pela polícia após o crime. Inicialmente, a linha de investigação da polícia era de latrocínio (roubo seguido de morte), porém, não se descartam outras motivações, entre elas, a de um crime passional.

 

Instrutor de academia morto a facadas. Foto: Reprodução/Facebook

 

O crime aconteceu no dia 4 de junho. O instrutor abria o portão de casa para entrar com o carro, quando foi surpreendido por dois suspeitos. Não há informações se a vítima reagiu ao assalto. Vizinhos dizem que, primeiro, a Santos foi esfaqueado no braço e depois foi golpeado fatalmente no pescoço. Uma ambulância foi acionada, mas ele perdeu muito sangue e morreu no local.

Os dois suspeitos fugiram. O carro do instrutor, levado após o crime, foi localizado incendiado horas depois. O instrutor era casado e tinha uma filha pequena.

A Polícia Civil dará detalhes sobre a prisão ainda na manhã de hoje.

 

Notícias relacionadas:

 


Fonte: Banda B