Comerciantes da Rua Mateus Leme sofrem com constantes furtos; imagens mostram uma das invasões

0
17


Comerciantes da Rua Mateus Leme, em Curitiba, estão sofrendo com os constantes furtos nos estabelecimentos da região. Nesta segunda-feira (30), durante a madrugada, o alvo da vez foi uma loja de tintas. Câmeras de segurança registraram a ação dos criminosos (assista abaixo).

A proprietária de um restaurante na rua, Thereza, contou em entrevista à Banda B que a situação piorou depois da pandemia.

“A Mateus Leme sofre com roubos há um tempo. Depois da pandemia foi piorando. É muito usuário de drogas e andarilhos ali. Todos os comércios da região já foram furtados. Eles arrombam, destroem janelas, grades e conseguem entrar. No nosso restaurante, só nesse mês entraram duas vezes”, revelou ela.

No primeiro caso este mês, os ladrões levaram botijões de gás. No último sábado (28), a invasão ao estabelecimento resultou em vidros quebrados que renderam um prejuízo de 4 mil reais, segundo Thereza.

Foto: Arquivo Pessoal

Outro estabelecimento da rua que vem sofrendo com os furtos frequentes é a cervejaria Hop’n Roll. O dono do local, Michel Galvão, afirma que em cinco meses foram sete furtos. “Eles levam fiação elétrica, torneiras, recentemente levaram minha caixa registradora e uma televisão. Em um dos casos, eu consegui até pegar o rapaz que entrou, mas logo ele foi solto pela polícia”, relatou ele.

Policiamento

Tanto Thereza, como Galvão, criticam o policiamento na região.

“A nossa região é zero o policiamento. Agora pra ver nossa documentação, ver se estamos com tudo regular, é inacreditável o número de viaturas com que a Aifu aparece no bar, com policiais armados, mas quando você precisa chamar uma viatura eles demoram 30 minutos, 1 hora para chegar. Então está muito desproporcional”, criticou o empresário.

A reportagem da Banda B entrou em contato com a Polícia Militar (PM) para saber sobre os cuidados com a segurança na região e aguarda o retorno.





Fonte: Banda B