Casal de moradores de rua é morto e cena de violência choca polícia

0
110


Um casal de moradores de rua foi assassinado durante a madrugada desta segunda-feira (21), no bairro Capão Raso, em Curitiba. Os dois foram espancados e têm marcas de cortes pelo corpo. O cão deles está ao lado dos corpos desde o início dos trabalhos da polícia. A Polícia Civil confirmou a identidade do casal: Ricardo de Lima Carvalho, 38 anos, e Franciele Cristina Nogueira, 34 anos.

Moradores próximos encontraram o casal morto, na rua Nossa Senhora do Perpétuo Socorro quase esquina com a Avenida Winston Churchill.

 

Foto: Banda B

 

A tenente Daniele Anne Kulka disse que os corpos do casal estão bastante machucados. “Uma cena com bastante sangue e sinais de violência, ou seja, uma cena bem chocante. Não temos informação sobre motivação ou de que forma aconteceu, a arma utilizada. A Polícia Científica ficará responsável”, descreveu a tenente.

Segundo ela, os dois dormiam no local, ao lado de uma agência bancária. “Eles já tinham sido avisados de que teriam que sair daqui porque será construída uma grade, mas até o momento estavam aqui”, completou.

 

Foto: Banda B

 

Um cão do casal permaneceu na cena do crime, ao lado dos corpos. A princípio,

 

Foto: Banda B

Fogo

Os suspeitos do crime tentaram atear fogo nos corpos, mas não conseguiram. “Tem focos de incêndio aqui porque um está queimado, mas não dá para ter certeza se isso aconteceu intencionalmente ou não”, finalizou a tenente.

Câmeras

A Polícia Civil analisou duas câmeras de segurança. O delegado Thiago Nóbrega disse que o casal morreu enquanto dormia. “Esse casal cuidava de carros aqui, era usuário de crack, também. Pelas imagens, três pessoas cometeram o crime, usando pedras e paus. Eles estavam dormindo, acordaram já com aas agressões, sem qualquer reação. Agora, o quanto antes precisando identificar as pessoas e a motivação”,

Para o delegado, o crime teve motivação a disputa por pontos de cuidados de carro. “Já teve briga por causa disso, uma desavença entre eles. Por isso, essa é a principal linha”, concluiu.

 



Fonte: Banda B

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui