Bandidos sequestram mulher na Barra da Tjuca, são cercados pela polícia e acabam batendo com veículo

0
19


Uma quadrilha especializada em roubar carros de luxo e realizar sequestros relâmpagos atacou uma mulher, nesta sexta-feira, que dirigia um Kia Sportage, na Barra da Tijuca, na Zona Oeste do Rio. Os bandidos colocaram a vítima em outro carro e a mantiveram refém durante um trajeto de cerca de 15 quilômetros. Ela foi liberada numa rua que dá acesso à Favela do Borel, na Tijuca, na Zona Norte, após um cerco ser feito por policiais da 16ªDP (Barra da Tijuca) e por PMs da Unidade de Polícia Pacificadora do Borel. Um bandido foi preso e uma pistola, apreendida. Dentro de um dos carros usados pelo bando, a polícia apreendeu um aparelho eletrônico usado para bloquear a transmissão de sinais de rastreadores de veículos.

O aparelho bloqueador usado pelos bandidos Foto: Marcos Nunes / Agência O Globo

Segundo a polícia, a mulher foi rendida por cinco homens armados que usavam um Honda Civic preto, de placa clonada, na Estrada Solimão, na altura do Bairro da Barrinha. Ela foi colocada no carro dos bandidos, enquanto um dos assaltantes assumiu a direção do Kia da vítima. Policiais da 16ª DP, que já investigavam o bando, descobriram o que ocorria. Eles passaram a perseguir a quadrilha e avisaram a Polícia Militar. Um cerco foi feito e na esquina das ruas Conde de Bonfim e José Higino, na Tijuca, o bandido que dirigia o Kia perdeu a direção, o carro capotou e bateu contra uma árvore. Ele foi preso por uma equipe da 16ªDP. Com o assaltante a polícia encontrou uma pistola nove milímetros e o aparelho que bloqueia a transmissão de sinais de rastreadores. Dentro da mochila, havia ainda um carregar do aparelho eletrônico e uma bateria.

Pouco depois, o Honda Civic foi visto pelos PMs passando na Rua São Miguel, próximo à entrada do Morro do Borel. Os policiais da Unidade de Polícia Pacificadora foram atrás do veículo e o alcançaram já na Estrada da Independência, no interior da comunidade. Nenhum bandido foi localizado, mas a vítima foi encontrada, chorando, nas proximidades do local. Bastante nervosa ela foi levada para a 19ª DP (Tijuca), onde o caso foi registrado. A polícia tenta agora identificar os quatro assaltantes que conseguiram fugir. O preso foi autuado em flagrante por crimes de extorsão mediante sequestro roubo e receptação.



Fonte: Fonte: Jornal Extra