Assaltantes se passam por policiais, roubam hamburgueria na RMC e agridem funcionários

0
8


Dois homens foram presos momentos depois de assaltarem uma hamburgueria na noite desta segunda-feira (17), em São José dos Pinhais, na região metropolitana de Curitiba. Os suspeitos, após agredirem funcionários e roubarem celulares e um carro, foram rastreados pelo GPS de um dos aparelhos de telefone levados.

Segundo afirmou o capitão Peres, da Ronda Ostensiva com Apoio de Motocicletas (Rocam), os criminosos foram bastante agressivos e feriram duas funcionárias. “Na saída, eles roubaram o carro das funcionárias, as agrediram, e fugiram”, disse à Banda B.

Foto: Eliandro Santana/Banda B

Um dos funcionários do comércio explicou que os ladrões se passaram por policiais, pediram lanches e se retiraram: “Eles fizeram os pedidos e disseram que iam levar os lanches para as namoradas. Depois de alguns minutos voltaram e anunciaram o assalto”.

Eles ainda teriam afirmado que o carro das funcionárias era roubado. “Eles disseram que eram policiais e que o carro da funcionária era roubado”, disse o funcionário.

Prisão

Após o crime, a funcionária que teve o celular e o carro roubado repassou à polícia alguns dados para que pudesse ser feito o rastreamento do aparelho telefônico.

“As equipes da Rocam, que estavam próximas do local, cercaram o carro. Eles conseguiram abordá-los na Linha Verde, perto da estação-tubo Fanny. Os suspeitos inclusive já usavam roupas das vítimas”, afirmou o capitão Peres.

Os criminosos usaram uma arma de brinquedo para intimidar as vítimas.

De acordo com a polícia, os dois tinham mandados de prisão em aberto. “Um deles tem [mandado] por Maria da Penha e o outro por furto ou roubo”, acrescentou Peres.

As vítimas reconheceram os ladrões e ambos, que chegaram a negar o crime, foram encaminhados à delegacia.





Fonte: Banda B