Após sair do trabalho, segurança é baleado em troca de tiros com assaltantes e tem arma roubada na RMC

17


Um segurança, de 41 anos, foi baleado por três homens após deixar o trabalho e encontrar com os suspeitos, que queriam sua arma, na altura do km 77 da BR-277. A vítima chegou a trocar tiros com o trio por não querer entregar a arma e implorou para que não o matassem. O caso aconteceu na noite desta sexta-feira (19) em São José dos Pinhais, na Região Metropolitana de Curitiba.

Segundo apurado pela Banda B, o vigilante havia acabado de deixar o trabalho quando encontrou com os suspeitos que queriam tomar sua arma, a qual usa para trabalhar. Não cedendo à vontade do trio, houve troca de tiros e ele acabou levando um tiro na região do joelho.

Foto: Daniela Sevieri/Banda B

De acordo com Misael, médico do Siate, que prestou atendimento à vítima, o estado de saúde dele seria moderado e sem gravidade. “Quando chegamos e iniciamos a prestação de socorro, vimos que ele estava em estado de choque, pálido, com suor excessivo e pressão abaixo do normal. Porém, não sofre risco de morte”, descreveu o médico.

Após ser ferido, o segurança, como levantou a Banda B, teria implorado para que não o matassem. Os suspeitos levaram a arma e ele ficou caído na rodovia, que tinha intenso movimento no momento da chegada do socorro.

A concessionária que administra a rodovia, a Polícia Militar (PM) e a Polícia Rodoviária Federal também estiveram no local.

Ele foi socorrido ao Hospital Cajuru. A PM fez buscas nas proximidades na tentativa de encontrar os suspeitos, mas até o final da noite ninguém tinha sido localizado.


Fonte: Banda B