Após discussão, mulher é esfaqueada por marido na RMC; homem fugiu

0
13


Uma mulher de 42 anos foi esfaqueada após uma discussão com o marido, na Rua Rio Negro, Jardim Guaraituba, Colombo, na região metropolitana de Curitiba (RMC), na madrugada desta quinta-feira (9).

Foto: Colaboração

O marido, suspeito de cometer a agressão, fugiu do local.

“A gente discutiu e quando eu fui para o quarto, falei que ia chamar a polícia e então ele fugiu. A casa é do pai dele, eu não tenho para onde ir. Ele ainda disse que não fez nada”, disse mulher, emocionada.

Foto: Colaboração

A mulher relatou que já fez registros na polícia de outras agressões por parte do marido, mas que agora irá pedir uma medida protetiva.

Ela foi atendida pela Siate e encaminhada ao Hospital Cajuru, em Curitiba.

“Fomos acionados por ferimento de arma branca. Encontramos uma senhora com ferimento em braço e uma contusão em crânio”, disse o cabo Lima, do Siate.

A polícia procura o suspeito de agressão.

Como denunciar

A Polícia Civil do Paraná (PCPR) dedica atenção especial ao atendimento de mulheres vítimas de violência doméstica, familiar ou sexual. A capacitação e o treinamento dos policiais civis é o ponto de partida para isto. O objetivo é que as mulheres sejam atendidas com o profissionalismo, a atenção e o cuidado devidos neste tipo de situação.

Boletim de Ocorrência Online

A PCPR utiliza a tecnologia para melhor atender a população. A mulher vítima de violência, com 18 anos ou mais de idade, pode registrar seu Boletim de Ocorrência pela internet. Conheça o serviço.

Atendimento Presencial

Na Delegacia da PCPR da localidade ou na Delegacia da Mulher, nas cidades que contam com esta especializada.





Fonte: Banda B