“Ainda não estou acreditando o que fizeram com ele”, diz mãe de ator pornô encontrado morto na RMC

0
465


A mãe do ator pornô, encontrado morto sem roupa, nas margens da BR-116, em Campina Grande do Sul, região metropolitana de Curitiba, em uma vala, dia 25 de agosto de 2021, acredita que o filho tenha sido assassinado e ainda procura respostas para a morte do rapaz.

Reprodução/ Redes Sociais

A morte de Gabriel Ramos Vieira de Almeida, de 24 anos, foi atestada como atropelamento, já que ele tinha várias fraturas pelo corpo.

“Ainda não estou acreditando o que fizeram com ele, eu sei que não foi atropelamento. O telefone celular dele até hoje não apareceu, tem as contas bancárias dele, que não sei quem está movimentando. Deveria ter sido feita a quebra do sigilo telefônico das ligações. A quebra da sigilo das ligações dele para a Luana precisa ser feita”, disse Alessandra Ramos, mãe do ator pornô, à reportagem da Banda B.

Gabriel era marido de Luana Prado, considerada a quinta atriz pornô mais vista do mundo. Eles estavam juntos há um ano e meio.

“Eu sei que o Gabriel não vai voltar. Ele tem um filho e eu tenho um neto. É a única coisa que me sobrou”, lamentou a mãe.

De acordo com o Portal Splash, Gabriel Ramos Vieira de Almeida, de 24 anos, contratou um carro de aplicativo para fazer uma viagem entre Florianópolis, em Santa Catarina, até Três Corações, em Minas Gerais. Ele iria visitar o avô, que iria fazer um procedimento cirúrgico.

Ouvida por Splash, a motorista do carro de aplicativo afirmou que durante o trajeto Gabriel reclamava muito que queria mudar de vida e que teria brigado momentos antes com a mulher.

A Banda B procurou a Polícia Civil do Paraná. A PCPR informou segue investigando o caso e realizando diligências para esclarecer o fato. O delegado responsável pelo caso não irá fornecer entrevistas para não atrapalhar o andamento das investigações.





Fonte: Banda B