Adolescente de 14 anos é surpreendido por ladrões armados em Curitiba; um foi preso

0
18


Pelo menos sete suspeitos armados invadiram a casa de um adolescente, de 14 anos, que estava sozinho, e roubaram vários equipamentos eletrônicos. O crime aconteceu na tarde desta sexta-feira (25), no bairro Sítio Cercado, em Curitiba. Um dos suspeitos foi preso minutos após o crime.

Segundo o tenente Salata, da Rondas Ostensivas com Apoio de Motocicletas (Rocam), quatro deles chegaram em um carro de modelo Meriva e outros três, em motocicletas.

Em relato à polícia, a vítima disse que os suspeitos teriam arrombado o portão da casa, entrado e colocado o carro na garagem. “Disseram que se ele reagisse, iriam matá-lo”, disse o tenente.

Ainda, o crime só teria sido descoberto após o adolescente ter ligado para a mãe, que por sua vez acionou a polícia. Porém, minutos depois do carro ter deixado a casa, uma equipe da Rocam se deparou com o veículo e, sem saber do roubo, decidiu abordá-lo.

Foto: Colaboração

“Os policiais faziam patrulhamento pela região e, ao se depararem com o Meriva ocupado por três pessoas, decidiram abordá-lo. Mas dois deles conseguiram fugir enquanto a equipe fazia o contorno na via para fazer a abordagem. O crime só foi descoberto quando o carro foi revistado, e minutos depois a equipe recebeu informações sobre”, afirmou Salata.

Apenas o condutor do automóvel ficou no carro. Ele confessou o crime e foi reconhecido pelo adolescente.

Ao todo, quatro televisões, um computador, uma caixa de som e um videogame foram recuperados.

Foto: Colaboração

Suspeito

O suspeito preso, de 37 anos, conforme disse o tenente, já teria passagens pela polícia. De acordo com a polícia, o suspeito trabalharia em uma oficina mecânica e teria utilizado o veículo de um cliente para cometer o crime.

Salata reforça as orientações de que, em situações como essas, é essencial manter a calma, não reagir, tentar guardar o máximo de características dos criminosos para, posteriormente, ajudar na captura destes. Em seguida, deve ligar para o a polícia através do 190.



Fonte: Banda B

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui