Técnica de enfermagem é presa por desviar de hospital medicamentos para intubação de pacientes da Covid-19

0
4


RIO – Policiais da 26ª DP (Todos os Santos), na Zona Norte do Rio, prenderam em flagrante nesta quinta-feira, dia 20, Luciane Oliveira Borges da Silva. A mulher, que é técnica de enfermagem, é suspeita de desviar medicamentos do Hospital Municipal Ronaldo Gazolla, referência no tratamento da Covid-19 na cidade do Rio, usados na intubação de pacientes. A suspeita foi denunciada pelo ex-marido.

Família denunciou: Falso médico preso fez vídeo com paciente que acabou morrendo de Covid-19: ‘Vai sair dessa’

Os policiais, acompanhados do ex-marido da técnica de enfermagem, foram à casa de Luciane, no Lins de Vasconcelos, onde ela permitu a entrada da equipe, segundo a polícia. Na casa, os agentes encontraram uma caixa com diversos medicamentos, usados, em sua maioria, no CTI, e destinados à sedação e intubação de pacientes, inclusive aqueles com a Covid-19. Os policiais ainda acharam na caixa materiais de enfermagem como luvas, seringas, ataduras, além de antibióticos e sedativos.

O material apreendido pela polícia estava em uma caixa Foto: Divulgação

De acordo com a polícia, Luciane confirmou a denúncia do ex-marido. Ela foi autuada pelo crime de peculato, cuja pena vai de 2 a 12 anos de prisão. Procurada, a Secretaria municipal de Saúde informou que “afastou a funcionária e abrirá uma sindicância para apurar se o material é do Hospital Municipal Ronaldo Gazolla”.



Fonte: Fonte: Jornal Extra