Suspeito de envolvimento na morte de Fernando Iggnácio é encontrado morto


Igor Rodrigues, conhecido como ‘Farofa’ e supostamente envolvido no assassinato de um dos maiores contraventores do Rio de Janeiro, teve o corpo encontrado nesta quarta-feira, 23

Reprodução/Jovem Pan Newsigor-rodrigues-assassinato-rio-de-janeiro-reproducao-jovem-pan-news
Corpo de Igor Rodrigues foi encontrado nesta quarta-feira, 23

Um dos acusados de envolvimento no assassinato de um dos maiores contraventores do Rio de Janeiro foi encontrado morto nesta quarta-feira, 23. O alvo foi Igor Rodrigues, conhecido como “Farofa”. A polícia tinha informações de que o homem foi sequestrado, torturado e possivelmente morto. Ele foi encontrado na Zona Oeste da capital fluminense sem vida. Rodrigues era ligado a uma milícia que atua na região e as investigações apontam que ele era uma espécie de matador de aluguel e teria sido contratado para atuar no assassinato do bicheiro Fernando Iggnácio no ano de 2020. Inácio voltava de Angra dos Reis, no Sul do Estado, e depois de um helicóptero, que trazia a família, aterrissar em um heliponto da cidade ele foi alvo de um cerco e morto com diversos tiros. Os criminosos conseguiram escapar. O caso ainda é detalhadamente investigado pela polícia do Rio de Janeiro. Até esta quaerta, Farofa já tinha um mandado de prisão expedido pela Justiça e era considerado foragido. A polícia fluminense abriu u inquérito para tentar descobrir quem executou o suposto matador de aluguel. A suspeita é de que ele tenha sido sequestrado por uma milícia rival e executado.

*Com informações do repórter Rodrigo Viga





Jovem Pan