Denúncia aponta que COMSERCAF gastaria mais de R$ 40 mil por 10 mil cartões de visita

0
193

Nessa semana, o BLOG “História, Música e Sociedade”, de José Francisco de Moura, o “Professor Chicão” fez mais uma denúncia contundente contra a COMSERCAF, autarquia responsável pela limpeza urbana em Cabo Frio. O blogueiro publicou que a companhia estaria contratando serviços gráficos em que pretende gastar R$ 41.470,00 para impressão de 10 mil cartões de visita, ao custo unitário de R$ 4,15 cada.

Ainda de acordo com a denúncia, na lista de itens a serem comprados estariam 200 carimbos. Pelas redes sociais, um servidor público da Assistência Social acabou validando a denúncia, e dizendo que a COMSERCAF publicará uma “ERRATA” ao documento nessa segunda-feira (03/06), e que o valor real da contratação é de R$ 0,20 a unidade. A explicação foi publicada em um compartilhamento no Facebook do artigo do Blog (foto)

No “Blog do Chicão” foi publicado que o presidente da COMSERCAF havia esclarecido que “houve um erro nos valores do edital de compras dos cartões de visita”, mas segundo o professor, não trata dos demais itens licitados, como os carimbos por exemplo. Chicão disparou no Blog dele: “está tudo superfaturado ali. Eu sei porque uso gráfica regularmente. A licitação desses itens de papelaria e gráfica é um dos maiores escândalos que já vi nesta cidade. Fui consultar os preços do mercado. Pela Imprimix, 1 mil cartões de visitas nas especificações pedidas custam apenas 24 reais. Dez mil dariam 240 reais, sem desconto”, escreveu.

José Francisco também denunciou o excesso de servidores contratados na COMSERCAF. Segundo ele, são 636 contratados para 482 concursados, proporção no serviço público municipal que só é menor que a registrada na Câmara Municipal. E termina o artigo fazendo a cobrança: “Quando teremos concurso público na autarquia? ”. Até o fechamento dessa reportagem a COMSERCAF não havia confirmado nem desmentido as denúncias e a informação de seria publicada a errata do edital de licitação.

Imagem publicada no “Blog do Chicão” com registro de preço que pertenceria ao edital de licitação

Conteúdo exportado via Portal de Notícias Administrável Hotfix