Após a tempestade vem o mar de transtornos para moradores de Araruama

0
56

Em editorial publicado nessa quarta-feira (10/04), o Plantão dos Lagos mostrou como é difícil o dia a dia das pessoas na Região dos Lagos, depois dos temporais. Argumentamos que mesmo chuvas de curta duração e baixa intensidade (com menos de 100mm de volume pluviométrico) são suficientes para causar transtornos que duram semanas. É o caso do que está acontecendo em Araruama, desde as chuvas que caíram sobre a cidade na última segunda-feira (08/04).

A cidade se transformou em um “mar de lama”. Os bairros do Japão, Parque Hotel (onde aliás está localizada a sede administrativa da Prefeitura), Boa Vista e Parque Maturana são alguns dos locais mais afetados. Os moradores reclamam que ações mínimas de prevenção, como por exemplo o desassoreamento do Rio Maturana, que transbordou em vários trechos, simplesmente não acontecem como deveriam.

Em Três Vendas, outro bairro bastante atingido pela água da chuva e depois pela lama, os alunos da Escola Municipal Anderson Domingues de Oliveira passaram a semana sem aulas por conta dos problemas crônicos nas ruas que dão acesso aquela unidade de ensino, além de alagamentos que ocorreram dentro da escola. Os alunos da APAE também foram prejudicados. A unidade fica na Rua Boa Vista, outro local que sempre tem problemas quando chove.

Nas redes sociais, pais de alunos protestaram contra a Prefeitura pela falta de manutenção preventiva, calçamentos, construção de redes de drenagem e galerias de escoamento de águas pluviais, bem como o desassoreamento de rios e córregos e a limpeza de bueiros. No Centro da cidade, gigogas (plantas aquáticas que se reproduzem por causa da poluição) também não foram removidas e causaram transtornos por conta da obstrução dos canais, principalmente na altura da Rua Oscar Clark.

Até o fechamento dessa matéria, a Prefeitura de Araruama não havia informado que tipo de medidas preventivas estão sendo tomadas para minimizar os transtornos que possam vir a serem causados pela incidência de novos temporais.

Conteúdo exportado via Portal de Notícias Administrável Hotfix