Venezuela deve abrir rota aérea com Brasil no primeiro trimestre de 2023


Anúncio foi feito após as relações bilaterais entre os dois países terem sido formalmente restabelecidas com a posse de Lula como presidente brasileiro

Federico Parra / AFPmaduro e oposição
Atualmente, a Venezuela é governada por Nicolás Maduro

O governo da Venezuela planeja abrir uma rota aérea entre o Brasil e a ilha turística de Margarita durante o primeiro trimestre de 2023, enquanto toma medidas para ativar voos diretos entre Caracas e São Paulo, por meio da companhia aérea estatal Conviasa, anunciou nesta terça-feira, 3, o ministro dos Transportes venezuelano, Ramón Velásquez.  O anúncio da abertura aérea surge após as relações bilaterais entre Venezuela e Brasil terem sido formalmente restabelecidas com a posse de Luiz Inácio Lula da Silva (PT) como presidente brasileiro. “Margarita é um destino que tem sido objeto de grandes avanços no setor aéreo e, para o primeiro trimestre deste ano, estamos planejando inclusive ligar o Brasil a Margarita”, comentou o ministro em entrevista telefônica com a emissora estatal “Venezolana de Televisión” (VTV), disse Velásquez.

O ministros também assegurou que estes novos destinos permitirão que a Venezuela fomente o setor turístico, de modo a “garantir” o crescimento da “economia não petrolífera” do país. Quanto às conexões domésticas, ele anunciou que, durante os primeiros três meses do ano a Conviasa ativará voos da capital do país para os estados de Mérida (noroeste) e Apure (oeste, na fronteira com a Colômbia).

*Com informações da EFE





Source link