Rodoviários do DF entrarão em greve nesta segunda-feira (6/11)


Rodoviários do Distrito Federal preparam greve nesta segunda-feira
Divulgação/Semob-DF

Rodoviários do Distrito Federal preparam greve nesta segunda-feira

Nesta segunda-feira (6/11) os rodoviários do Distrito Federal darão início à uma greve, reivindicando reajuste salarial, tendo ganhos acima da inflação. Os profissionais do setor estão desde agosto buscando um ajuste.

No último sábado, (4/11), as empresas de transporte público do DF apresentaram uma proposta que previa um aumento de 5,33% nos salários, e nos planos de saúde e odontológico, bem como reajuste de 8% no tíquete de alimentação e 10% no valor da cesta básica. Porém, a categoria não ficou satisfeita com os termos propostos, e confirmou a grave para esta segunda-feira.

Segundo o Sindicato dos Rodoviários do DF (Sinttrater), os diretores da organização estarão nas portas das empresas para garantir uma adesão maior dos trabalhadores do setor.

A greve será apoiada pela Central Única dos Trabalhadores (CUT), que declarou que estará ao lado dos rodoviários para que eles consigam o reajuste.

“A Central Única dos Trabalhadores está junto com o sindicato e com a categoria, desejando que um acordo chegue para que a população não seja penalizada com a falta de transporte público, que já é precário no Distrito Federal, mas a Justiça deve ser feita e a categoria dos rodoviários precisa ser valorizada e seu pleito ser atendido”
Após o vencimento do Acordo Coletivo de Trabalho, no fim de agosto, os rodoviários do DF buscam remunerações maiores e já ameaçaram entrar em greve em outros momentos.



IG Último Segundo