Presidente do Flu detalha negociação com o Liverpool por André


Liverpool deseja André, mas esbarrou em negativa
Marcelo Gonçalves/Fluminense FC

Liverpool deseja André, mas esbarrou em negativa

Poucos dias antes do fechamento da janela europeia de transferências, o Fluminense disse não a uma proposta do Liverpool, da Inglaterra, pelo volante André. A oferta, na casa dos 30 milhões de euros (R$ 160 milhões) não teve resposta positiva da diretoria tricolor, que pretende manter o meio-campista pelo menos até o fim de 2023.

O presidente tricolor, Mário Bittencourt, admitiu que a intenção da diretoria era, de fato, não perder o meio-campista nesta janela. Foi assim o caso de outros jogadores, também procurados nas últimas semanas, mas que permaneceram no Fluminense. O dirigente detalhou como foram as conversas com os ingleses, citando até a procura do diretor executivo do clube inglês, Billy Hogan.

“Há um acordo entre nós, o André e o representante de que ele ficaria até o fim do ano. Eles cumprem isso integralmente, mas toda sondagem que chega, comunicam ao Fluminense. No caso do Liverpool, foi o diretor deles que entrou em contato diretamente comigo. Eu respondi que não venderia naquele momento. Disse: ‘se quiser comprar agora para levar em janeiro, a gente pode começar a conversar. Ou esperar até dezembro”, disse, em entrevista à ESPN, que vai ao ar neste sábado (9).

André tem contrato com o Fluminense até o fim de 2026 e soma 152 partidas com a camisa do clube, além de quatro gols. Embora siga no Flu por agora, a resposta do dirigente dá a entender que uma proposta melhor que a apresentada, já em 2024, pode convencer o Tricolor a vendê-lo.

Siga o Jogada10 nas redes sociais: Twitter, Instagram e Facebook
.



Portal IG