Presidente de clube da Segunda Divisão da Colômbia é assassinado a tiros


Presidente do Tigres foi assassinato em seu carro e estava com a filha no momento do crime
Foto: Divulgação/Tigres FC

Presidente do Tigres foi assassinato em seu carro e estava com a filha no momento do crime

O presidente do Tigres-COL, Édgar Páez, foi assassinado a tiros em Bogotá, na Colômbia. O crime aconteceu após derrota do time para o Atlético de Cali por 3 a 2, no sábado (23), em partida válida pela Segunda Divisão do Campeonato Colombiano.

Édgar estava a caminho de casa em seu carro, acompanhado da filha. De acordo com as informações da imprensa colombiana, dois homens, em uma moto, cometeram o crime.

“É com profunda tristeza que informamos do assassinato do presidente da nossa instituição, o doutor Edgar Páez Cortés. Este lamentável episódio ocorreu quando este regressava a casa depois do jogo disputado contra o Atlético FC. A família do Tigres e a comunidade esportiva estão devastados com o que aconteceu. Edgar Páez Cortéz era um apaixonado pelo futebol e um líder exemplar”, diz o comunicado.

Segundo as primeiras informações do jornal “El Tiempo”, Édgar levou tiros no tórax, pescoço e na cabeça. A filha do presidente, por sua vez, não sofreu ferimentos. O caso é investigado pelas autoridades locais.

Siga o Jogada10 nas redes sociais: Twitter, Instagram e Facebook
.





Portal IG