Gabriel Magalhães lamenta empate e pede para Brasil erguer a cabeça


Gabriel Magalhães foi titular em todos os jogos com Fernando Diniz
Foto: Vitor Silva/CBF

Gabriel Magalhães foi titular em todos os jogos com Fernando Diniz

Autor do gol do Brasil no empate em 1 a 1 com a Venezuela
, o zagueiro Gabriel Magalhães lamentou o resultado. Na saída do gramado, o defensor afirmou que a Seleção Brasileira teve chances na etapa final, mas citou que a estratégia venezuelana funcionou.

“Acho que a gente teve chances para fazer mais gols, tivemos mais oportunidades ali no segundo tempo. Eles vieram numa marcação baixa. Agora é erguer a cabeça, ver o que o professor tem para corrigir e seguir trabalhando”, disse Gabriel à “Globo”.

Em sua terceira partida com a camisa da Seleção Brasileira, Gabriel Magalhães colocou o time de Fernando Diniz na frente no marcador. Aos quatro minutos da etapa final, ele aproveitou cobrança de escanteio de Neymar e balançou as redes.

Na reta final da partida, porém, Bello acertou lindo chute e deixou tudo igual. Com o resultado, a Seleção Brasileira deixou a liderança das Eliminatórias Sul-Americanas para a Copa do Mundo de 2026.

O Brasil volta a campo na próxima terça-feira, pela quarta rodada do torneio classificatório para o Mundial do Canadá, Estados Unidos e México. O adversário será o Uruguai, fora de casa. A partida será disputada no Estádio Centenário, em Montevidéu, às 21h (de Brasília).

Siga o Jogada10 nas redes sociais: Twitter, Instagram e Facebook
.



Portal IG