como está a situação na Série B


Criciúma tira Sport do G4: como está a situação na Série B
Foto: Reprodução

Criciúma tira Sport do G4: como está a situação na Série B

Éder, ex-São Paulo, Inter de Milão e seleção italiana, é destaque do Criciúma na Série B - Celso Da Luz / Criciúma

Os resultados da 35ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B esquentaram ainda mais a briga pelo acesso e pela luta contra o rebaixamento. Após a vitória sobre o rebaixado ABC, o Criciúma saltou para a segunda posição e tirou o Sport do G-4 pela primeira vez desde o fim do primeiro turno.

A nove pontos do fim, o Vitória é o líder com 66 pontos e, além de estar virtualmente na elite de 2024, está com uma mão no título. Abaixo do Leão da Barra, três times dividem os 60 pontos e são separados por número de vitórias: Criciúma, Juventude e Atlético Goianiense.

Somando 59 pontos, o Sport viu a situação se complicar nas últimas semanas, com duas derrotas em sequência. Os resultados do Rubro-Negro de Recife também serviram para a briga pelo acesso ser expandida. Desse modo, Novorizontino e Mirassol, com 57 pontos, Guarani, com 56 pontos, Vila Nova, com 55 pontos, e até CRB, com 53 pontos, sonham em subir.

Nas três últimas rodadas, a disputa no topo contará com confrontos diretos. São eles:

36ª rodada

Novorizontino x Vitória
Guarani x Criciúma
Sport x Atlético Goianiense

37ª rodada

Vitória x Sport
Mirassol x Atlético Goianiense

38ª rodada

Novorizontino x Criciúma
Atlético Goianiense x Guarani

Na parte de baixo da tabela, o lanterna ABC já está matematicamente rebaixado e o Londrina conta com 99,9% de chance de queda, segundo dados da UFMG. Acima dessas equipes, a briga envolve Chapecoense, Ponte Preta, Sampaio Corrêa, Ituano e Tombense.

Na 18ª posição, com 33 pontos, a Chape vive a situação mais delicada e precisa de campanha irretocável após três derrotas consecutivas. Acima, a Ponte, com 35 pontos, ainda vê mais claridade no fim do túnel, mas precisa voltar a vencer após 10 jogos sem êxito na competição.

Fora do Z-4 mas ainda com sérios riscos estão Sampaio Corrêa, com 36 pontos, e Ituano e Tombense, com 37. O time maranhense chega em má fase, assim como os paulistas, que não vencem há dez jogos. Por outro lado, os mineiros vêm de recuperação na tabela e somam três vitórias consecutivas.

De maneira similar à parte alta da tabela, a briga contra a queda contará com confrontos diretos:

36ª rodada

Tombense x Ponte Preta
Ituano x Sampaio Corrêa

37ª rodada

Ituano x Chapecoense



Portal IG