Quem inventou o “T” comprido do logotipo dos Beatles há 60 anos?


O logotipo com  a letra “T” comprida de The Beatles é, literalmente, a marca registrada da banda. O símbolo se tornou uma marca comercial por meio da Apple Corps nos anos 1990.Mas como ele surgiu?

O famoso logo, que adornou a bateria de Ringo Starr desde 1963, surgiu quando o baterista e o empresário Brian Epstein visitaram a Drum City, a primeira loja dedicada ao instrumento bateria de Londres.

O dono da Drum City era Ivor Arbiter, que nasceu em Balham, no sul de Londres, em 1929. Ele consertava saxofones, era baterista e criador da loja de música na Shaftesbury Avenue. Além disso, também era dono da loja de guitarras Sound City, onde os Beatles compravam muito de seus equipamentos.

O que Ringo queria era um kit Premier todo preto. Mas mudou de ideia quando viu o acabamento “pérola negra ostra” na bateria Ludwig. Como pagamento pelo kit Ludwig Downbeat de £ 238, Arbiter aceitou uma troca pelo velho kit Premier de Ringo– Epstein não queria pagar.

“Peguei a velha bateria Premier dele e a trouxe de volta para a loja. Nós o renovamos em nossa oficina e depois o vendemos. Arranquei o pedaço de material da cabeça do bumbo onde ele havia escrito o nome dos Beatles e joguei fora. Era uma bateria terrível. Não era velha: tinha apenas seis meses ou um ano. Mas foi um acabamento marrom, um dos piores acabamentos que o Premier já fez… Não sei por que ele conseguiu, na verdade. Não é à toa que quis mudar. De qualquer forma, limpamos e vendemos na mesma semana — e muito, muito barato. Provavelmente seria um item de colecionador se ainda o tivéssemos hoje.”, contou Gerry Evans, da loja Drum City.

Mistura de palavras gerou o logo

As partes entraram em um acordo de exibir o nome da marca Downbeat — com quem o dono da loja tinha um acordo de distribuição — e dos Beatles na pele do bumbo. Arbiter então desenhou o famoso drop-T em um pedaço de papel, com o B maiúsculo e o T comprimido enfatizando a palavra “beat” (batida). Tirou o “down”, manteve o “beat” e juntou com Beatles. Estava idealizado o famoso logo.
A loja Drum City recebeu míseros £ 5 pela arte. E quem a pintou foi Eddie Stokes. Em 12 de maio de 1963, Ringo recebeu sua nova bateria no Alpha Television Studios, em Birmingham.O logo precisou ser repintado no final de 1963, antes da pele da bateria ser aposentada em fevereiro do ano seguinte. Ao todo, foram sete peles de bumbo nas baterias da banda até 1967, com logotipos levemente diferentes. Hoje, especula-se que a primeira versão esteja sob posse do cantor Paul McCartney. Veja abaixo:

Paul McCartney em estúdio
Paul McCartney em estúdio. Imagem: Reprodução

Com informações de Beatles Bible.

Fonte: Gizmodo