OPPO segue Apple e Samsung e vai fabricar os próprios chips para celulares


OPPO

Imagem: OPPO/Reprodução

Seguindo a tendência de grandes empresas de tecnologia, como Apple, Huawei e Samsung, a OPPO está investindo em seus próprios chips para smartphones. O primeiro celular a utilizar a plataforma da empresa chinesa deve ser lançado em meados de 2024, mas não há informações se será um aparelho de entrada, intermediário ou topo de linha.

Algumas informações vazadas indicam que os chips estão em estágio avançado de desenvolvimento e podem ser apresentados oficialmente ao público já em 2023.

Além disso, o leaker Ice Universe, um dos responsáveis por vazar informações da empresa, afirmou que existe uma enorme equipe envolvida no projeto e que o mercado está bem otimista com a tecnologia da OPPO.

A OPPO já possui experiência na fabricação de componentes próprios. A companhia chinesa possui algumas unidades de processamento neural (NPU, na sigla em inglês). A mais popular é dedicada ao tratamento de imagens e foi batizada de MariSilicon X. Ela é capaz de melhorar o pós-processamento de imagens capturadas pela câmera dos smarts.

Além disso, a empresa anunciou recentemente a NPU MariSilicon Y, que, de acordo com a OPPO, é “um marco para a qualidade de som em Bluetooth”. O componente promete melhorar significativamente a qualidade de transmissão de áudio e foi projetado para equipar fones de ouvido sem fio.

A OPPO é controlada pela BBK Eletronics e, por esse motivo, é possível que outras marcas utilizem seus futuros chips, uma vez que Realme, Vivo Mobile e OnePlus fazem parte do mesmo grupo.

Assine a newsletter do Gizmodo

Fonte: Gizmodo