Internet 5G é uma realidade no Brasil. Mas o que muda?

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp


Imagem: Reprodução/Pixabay

A tecnologia 5G chegou ao Brasil na última quarta-feira (6) — primeiro, em Brasília. A expectativa é que as operadoras disponibilizem o sinal aos clientes da capital federal de forma imediata.

O plano é que as próximas capitais da lista a receberem a internet sejam Belo Horizonte, Porto Alegre e São Paulo. Ainda não há datas definidas para isso, segundo a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel).

Como a tecnologia vai afetar seu dia-a-dia?

De assistir a um filme em seu streaming preferido a avanços na telemedicina. Veja exemplos de como a nova geração de internet vai facilitar a sua vida.

  • A latência (ou tempo de resposta) do 5G é mais baixa, o que significa uma transmissão de dados mais fluida e menos demora para carregar conteúdos;
  • Além de games e filmes, o 5G vai melhorar algumas experiências digitais, como realidade virtual e aumentada;
  • Permitirá o avanço da telemedicina e mais precisão em cirurgias remotas;
  • Tecnologias embarcadas, como as dos carros autônomos, que ficarão mais responsivos;
  • Capacidade de conectar ao mesmo tempo e integrar inúmeros dispositivos — o que inclui aparelhos eletrônicos, eletrodomésticos (como geladeira e televisão) e iluminação;
  • Aulas online poderão ser assistidas com maior fluidez.

O 5G estará disponível para todos os smartphones?

Não, a tecnologia funcionará em aparelhos de celulares específicos. Por ora, são quase 70 modelos de smartphones aptos a funcionar com a nova tecnologia no Brasil. A Samsung possui 25 aparelhos – entre eles, Galaxy Note 5G, Galaxy Z Fold 2 5G, Galaxy S21 5G. Da Apple, são apenas 9 compatíveis — como Iphone 12, Iphone 13, Iphone 12 mini — e a Motorola tem 14 smartphones compatíveis – Motorola Edge, Motorola Moto G 5G, Moto g200.

Mais dúvidas sobre a tecnologia? Leia mais sobre ela aqui.

 

 

Fonte: Gizmodo