Cometa Verde está entre os principais fenômenos astronômicos de fevereiro


Fenômenos astronômicos do mês de fevereiro

Imagem: Ganapathy Kumar/Unsplash/Reprodução

Não vamos mentir pra você: o céu de fevereiro será um tanto quanto monótono. Há poucos fenômenos astronômicos para acompanhar neste mês, mas vale a pena ficar de olho neles. Os amantes da fotografia serão os principais beneficiados pelos futuros eventos, que devem render bons cliques. Confira a lista abaixo.

2 de fevereiro – Cometa C/2022 E3 (ZTF)

Ele está se aproximando. No dia 2 de fevereiro, o cometa C/2022 E3 (ZTF), também conhecido como Cometa Verde, atingirá seu ponto mais próximo da Terra, ficando a apenas 42,5 milhões de quilômetros de distância. A semana em questão será a melhor para tentar observá-lo.

O cometa C/2022 E3 (ZTF) foi identificado em março de 2022 pelo programa Zwicky Transient Facility (ZTF), que opera o telescópio Samuel-Oschin no Observatório Palomar, na Califórnia. A última vez que ele passou próximo ao planeta Terra foi há 50 mil anos. Agora, o objeto deve deixar de vez o sistema solar.

C/2022 E3 (ZTF) ficará visível no hemisfério sul, podendo ser avistado do Brasil sem auxílio de equipamentos. Para assistir ao espetáculo, procure por um local aberto e sem interferência luminosa. Não deixe de checar as condições climáticas, já que a quantidade de nuvens no céu pode colocar a observação em risco.

5 de fevereiro – Lua Cheia

A Lua Cheia tomará o céu no dia 5 de fevereiro. Na data, o satélite estará localizado no lado oposto da Terra ao Sol, com sua face totalmente iluminada. 

Pode parecer um evento simples e monótono, mas representa uma grande oportunidade para os fotógrafos. Por mais que ela esteja presente em quase todas as nossas noites, a Lua não deixa de ser um dos alvos favoritos das câmeras devido ao brilho e mistério que a cercam.

Se você não tiver equipamentos de última geração para fazer seus cliques, não se preocupe. O Giz Brasil preparou um texto com dicas para alcançar ótimas imagens do satélite apenas com o celular.

20 de fevereiro – Lua Nova

Após duas semanas pouco movimentadas, a Lua volta a ser o foco. Na verdade, dessa vez ela chama a atenção por estar em sua fase nova, ficando oculta no céu noturno.

Apesar de parecer chato, esta é a melhor época do mês para observar objetos fracos, como galáxias e aglomerados de estrelas, já que não há luz do satélite para interferir. Se você estava procurando a melhor data para tirar o telescópio do armário, acabou de encontrar.

22 de fevereiro – Encontro entre a Lua, Júpiter e Vênus

No dia 22 de fevereiro, Lua, Júpiter e Vênus ficarão próximos no céu noturno. A lua, que estará caminhando para sua fase crescente, estará próxima de Júpiter na linha do horizonte logo após o pôr do Sol. Vênus estará posicionado um pouco abaixo no céu. 

Aqueles que estiverem mais ao sul da América do Sul poderão enxergar o satélite passando na frente de Júpiter rapidamente, numa ocultação lunar. É recomendável procurar por locais com uma boa visão do pôr do Sol no horizonte para acompanhar o fenômeno.

Confira outros fenômenos astronômicos que acontecem em 2023 neste texto do Giz Brasil.

Fonte: Gizmodo