As melhores maneiras de fazer backup do seu celular

0
19


Você provavelmente depende de muita coisa que está no seu celular — então, o que aconteceria se ele caísse de um penhasco ou em um poço? O que você faria se o deixasse em outro país ou se ele fosse roubado do seu bolso? É por isso que você sempre deve ter um backup atualizado do seu aparelho para caso o pior aconteça — e vamos falar um pouco das melhores opções disponíveis no momento.

A boa notícia é que fazer backup de um celular é muito menos estressante e tedioso do que costumava ser, já que a maioria dos aplicativos (e da Apple e do Google em si) tiveram a brilhante ideia de manter cópias de tudo na nuvem. A má notícia é que ainda pode ser uma tarefa árdua descobrir qual aplicativo faz isso e qual não faz.

Como fazer backup do seu iPhone

A Apple não o deixaria sem uma opção de backup para o seu precioso iPhone. Se você for até os Ajustes do iOS e tocar em seu nome, iCloud e Backup do iCloud, você pode configurar um backup automático, que envia informações para a nuvem regularmente. Se você desativar essa opção, ainda poderá fazer backup do seu dispositivo no macOS (via Finder) ou Windows (via iTunes) sempre que se conectar a um computador.

Os backups do iCloud são mais fáceis e convenientes, mas são descontados do seu armazenamento do iCloud (portanto, você precisará pagar se ultrapassar os 5 GB) e também podem ser descriptografados pela Apple, se as autoridades solicitarem. Os backups locais são mais seguros, desde que você ative a criptografia (a caixa de seleção Criptografar backup local na tela principal), mas é necessário fazer o processo manualmente.

O iCloud é uma opção de backup rápida e conveniente para iOS. Captura de tela: iOS

Os backups da Apple incluem dados como configurações do dispositivo e layouts da tela inicial, mas a quantidade de informações copiadas varia de app para app. Aplicativos da Apple, como Contatos e Calendário, usam o iCloud, e o aplicativo Mensagens oferece a opção de usar o serviço para sincronizar entre dispositivos. Aplicativos como estes, que já estão usam a nuvem da Apple por conta própria, não serão incluídos quando você fizer backup manual porque isso é desnecessário. Para ver quais aplicativos estão usando o armazenamento em nuvem, vá até os ajustes do iOS, toque em seu nome e depois em iCloud.

Como cada vez mais aplicativos são baseados na nuvem e sincronizam dados entre dispositivos, saber o que está incluído no backup e o que não está é meio confuso — mesmo os documentos de suporte da Apple não dão muita certeza porque depende da sua própria configuração. Sua melhor aposta é fazer uma auditoria em seus aplicativos e descobrir como cada um salva e armazena dados — pense especialmente em aplicativos de mensagens, que guardam muitos dados no próprio aparelho.

Mais aplicativos do iPhone do que você imagina já usam backups do iCloud. Captura de tela: iOS

Como é típico entre os iPhones, o acesso de terceiros ao sistema é limitado, então você não encontrará muitas alternativas para os backups em nuvem e backups locais que a própria Apple fornece (quaisquer aplicativos que prometem backups do iPhone geralmente estão falando de fazer um backup local, despejando dados salvos em seu computador).

Há um novo concorrente que merece ser mencionado: Google One. O aplicativo de armazenamento para iOS, ainda não lançado, fará o backup do seu iPhone se você quiser, cobrindo fotos e vídeos, além dos aplicativos Contatos e Calendário no iOS. Não é a opção mais abrangente do mundo e ignora outros apps e configurações do dispositivo, mas se você gosta de manter tudo no Google (incluindo o seu iPhone), vale a pena dar uma olhada — o aplicativo iOS estará disponível em breve, diz o Google.

Como fazer backup do seu celular Android

Como sempre acontece no Android, existem toneladas de opções independentes aqui, mas vamos começar com o Google: se você tem um Pixel, pode ir até Sistema, Avançado e Backup para fazer backup de seu celular no Google Drive de forma criptografada. Isso inclui dados do Google Agenda e Contatos do Google, bem como fotos e vídeos até o limite de armazenamento do Drive (você recebe 15 GB de graça). Aplicativos e dados de aplicativos (até 25 MB por aplicativo), histórico de chamadas, configurações do telefone e mensagens SMS (mas não MMS) também estão incluídos.

A coisa fica um pouco confusa a partir desse ponto, já que o Google One para Android também fará backup de alguns desses dados para os servidores do Google (isso costumava estar disponível apenas para aqueles que pagavam pelo armazenamento do Google One, mas agora vai chegar para todos). Dentro do aplicativo, toque em Configurações e em Gerenciar configurações de backup — neste caso, os dados de mensagens MMS estão incluídos, bem como as configurações do dispositivo e fotos e vídeos (via Google Fotos).

O Android vem com uma ferramenta de backup integrada. Captura de tela: Android

Como no iOS, nos aplicativos individuais, é meio cada um por si — muitos dos seus apps já colocam seus backups na nuvem, alguns terão configurações de backup incorporadas e outros (como o WhatsApp) farão uso do Google Drive, mas devem ser configurados individualmente. Novamente, vale a pena examinar todos os seus aplicativos e descobrir o que fica salvo em que lugar.

Os aplicativos no Android têm muito mais acesso ao sistema do que no iOS, e você encontrará vários na Play Store que fazem backups abrangentes de diferentes partes do seu aparelho, O freemium Autosync é um bom exemplo: ele faz uso do armazenamento que você tem no Google Drive para sincronizar qualquer arquivo ou pasta do seu dispositivo com a nuvem. O funcionamento é parecido com o do o Google Drive no desktop, mantendo seu armazenamento na nuvem sempre espelhado com seu aparelho.

Autosync é uma das opções de backup de terceiros no Android. Captura de tela: Autosync

Outra opção popular e conhecida é o freemium Super Backup & Restore, que cobre dados de aplicativos, contatos, registros de chamadas, mensagens SMS, arquivos armazenados localmente e muito mais. Os locais de backup aceitos são Gmail, Google Drive ou um cartão de memória instalado — aliás, esta é uma boa dica: para estar o mais seguro possível, você realmente deve ter seus dados mais importantes armazenados em três locais diferentes, não apenas dois.

Supondo que o Google Fotos esteja copiando suas fotos e vídeos, e seus aplicativos de mensagens estejam sendo armazenados em algum lugar, isso deve ser suficiente para cobrir os pontos mais importantes — aplicativos de gerenciamento de arquivos como Google Drive e Dropbox já armazenam tudo na nuvem de qualquer maneira. Certas informações, incluindo os aplicativos que você baixou e comprou da Play Store, são automaticamente vinculadas à sua conta do Google, sem a necessidade de backup.

The post As melhores maneiras de fazer backup do seu celular appeared first on Gizmodo Brasil.


Fonte: Gizmodo

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui