Com venda de Neto, Brasil se torna o país com mais goleiros no top 10 mais caros da história

0
144

A transferência do goleiro brasileiro Neto do Valencia para o Barcelona, por 26 milhões de euros, anunciada nesta quinta-feira (27), entrou para a história como uma das 10 mais caras da história envolvendo um goleiro.

O brasileiro entra na 8ª posição entre os goleiros mais caros da história, empatado com o italiano Francesco Toldo, negociado pela Fiorentina para a Inter de Milão, em 2001 – quem jogou Winning Eleven no Play Station vai lembrar do goleiro.

A negociação mais cara da história envolvendo um goleiro aconteceu no início da temporada passada, quando o Chelsea desembolsou a bagatela de 80 milhões de euros pelo espanhol Kepa. A segunda negociação com maiores cifras também foi na temporada passada, com a ida do brasileiro Alisson para o Liverpool.

Veja os 10 goleiros mais caros da história (valores em Euros)

Kepa – Espanha (80 milhões de euros do Athletic Bilbao para Chelsea)

Alisson – Brasil (63 milhões de euros da Roma para Liverpool)

Buffon – Itália (53 milhões de euros do Parma para Juventus)

Ederson – Brasil (40 milhões de euros do Benfica para Manchester City)

Courtois – Bélgica (35 milhões de euros do Chelsea para Real Madrid)

Neuer – Alemanha (30 milhões de euros do Schalke 04 para Bayenr de Munique)

Pickford – Inglaterra (28 milhões de euros do Southampton para Everton)

Toldo – Itália (26 milhões de euros da Fiorentina para a Inter de Milão)

Neto – Brasil (26 milhões de euros do Valencia para o Barcelona)

Bernd Leno – Alemanha (25 milhões de euros do Bayer Leverkusen para o Arsenal)

De Gea – Espanha (25 milhões de euros do Atlético de Madri para o Manchester United)

Conteúdo exportado via Portal de Notícias Administrável Hotfix