Ludmilla revolta sertanejos após criticar apoio a Bolsonaro · Notícias da TV



A crítica de Ludmilla ao apoio dos cantores sertanejos a Jair Bolsonaro (PL) despertou revolta nos artistas do gênero musical. Nesta terça (25), famosos como Cristiano, João Bosco e Rodrigo repudiaram a fala da funkeira. Com a repercussão do caso, a carioca também se manifestou e reforçou o apoio a Luiz Inácio Lula da Silva (PT).

O caso começou quando o jornalista Leo Dias, do Metrópoles, publicou o trecho de uma entrevista de Ludmilla, na qual ela afirmou que os sertanejos “vivem uma realidade paralela” por apoiarem o atual governante.

“Acho que o sertanejo vive uma realidade completamente diferente. A gente que é do funk, da periferia, está mais chegado ao povo que está precisando de ajuda. O povo foi mais atingido do que a gente pela crise econômica. Eu acho que eles [sertanejos] vivem em outra realidade, e a gente está vivendo o que está acontecendo de fato. É ‘L’ no segundo turno”, comentou Ludmilla durante o Prêmio Multishow, na semana passada.

No Instagram do colunista, o parceiro musical de Zé Neto escreveu: “Nem eu tenho condições de manter todo mundo bem. Mas quando a coisa aperta, estamos aqui por um bem maior. Dizer que o sertanejo não pensa no povo é uma ofensa. Pode deixar que, se o povo precisar, a gente faz live para ajudar de novo”.

Rodrigo, que canta junto com George Henrique e Marília Mendonça (1995-2021) a música Vai Lá Em Casa Hoje, também se manifestou. “Vivemos no auge da MPB, o povo que escolheu! A musica popular brasileira hoje é o sertanejo”, argumentou.

“Exatamente! Faz as contas aí, qual foi a classe musical que fez mais lives para ajudar o povo durante a pandemia? Entre outras coisas que fazemos e não divulgamos. Música sertaneja, a verdadeira música popular brasileira”, reforçou João Bosco.

Após as críticas, Ludmilla foi atacada por internautas bolsonaristas e pediu para que os fãs a defendessem nas redes sociais. Em seguida, ela gravou um vídeo com críticas ao colunista:

Ele está querendo criar um caso entre eu e os meus colegas de profissão sertanejos. Disse que eles votam no atual presidente porque vivem outra realidade. Qual é a mentira? O que me comove é um certo tipo de coisa, eles é outra, e tá tudo bem.

Confira as publicações:





Noticias da TV