Traficante de animais é preso com aves silvestres na Dutra, em Barra Mansa

0
28



Pássaros estavam escondidos dentro de caixas de papelão, encontradas em mochila, segundo a PRF. Caixas de papelão em que as aves foram transportadas ilegalmente
Divulgação/Polícia Rodoviária Federal
Um traficante de animais foi preso nesta segunda-feira (17) transportando aves silvestres na Via Dutra, em Barra Mansa, Sul do Rio de Janeiro. Segundo a Polícia Rodoviária Federal, ao todo, foram apreendidos sete pássaros da espécie trinca-ferro.
O suspeito, de 31 anos, estava em um carro, junto com outro ocupante, e foi abordado pela PRF na altura do distrito de Floriano. Os policiais revistaram o automóvel e encontraram uma mochila com sete pequenas caixas de papelão.
De acordo com a PRF, cada uma das caixas continha uma das aves trinca-ferro, com apenas três furos na parte superior para que pudessem respirar, o que também configura crime de maus tratos.
Ainda segundo a polícia, o suspeito assumiu que os animais eram apenas de sua responsabilidade. Ele confessou aos agentes que comprou as aves em Vargem Grande, distrito de Resende, e iria levá-las até Barra Mansa, para serem vendidas.
O suspeito foi preso e levado para a delegacia de Barra Mansa, onde o caso foi registrado. O outro ocupante do carro foi liberado.
A PRF informou que os animais foram encaminhados para a Agência de Meio Ambiente de Resende, onde receberão tratamento veterinário para serem soltos na natureza novamente.
Reincidência
Ainda de acordo com a PRF, esta foi a terceira vez que o suspeito foi preso por trafico de animais silvestres. As outras ocorrências aconteceram em Jequié, na Bahia, e em Leopoldina, em Minas Gerais.
Somando as duas ocasiões, ele transportou ao todo, 67 pássaros silvestres e 1.459 jabutis.


Fonte: G1

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui