Polícia civil analisa evidências de atentado contra prefeito de Porto Real

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp


Porto Real – Policiais civis e militares deram prosseguimento na manhã desta sexta-feira (15), às diligências para identificar a autoria da tentativa de  homicídio praticada contra do prefeito de Porto Real, Alexandre Serfiotis. A casa de Serfiotis foi alvejada com mais de 25 tiros, na madrugada de quinta-feira (14).

O prefeito e seus familiares estavam dentro do imóvel, mas não foram atingidos e passam bem, segundo uma nota da prefeitura. A ação dos criminosos foi gravada por câmeras de segurança e as imagens estão sendo analisadas pelos agentes.

As investigações são comandadas pelo delegado titular da 100ª DP (Porto Real), Marcelo Nunes Ribeiro. O policial mantém sigilo das apurações do crime, para não atrapalhar as investigações. O motivo do atentado ainda é desconhecido pela polícia.

Os tiros disparados contra a residência atingiram muro, portas, janelas e o interior da casa. O delegado aguarda o laudo da polícia técnica, que será anexado ao procedimento que instaurou para apurar o atentado.

Confira a nota da PM, na íntegra:

“A Assessoria de Imprensa da Secretaria de Estado de Polícia Militar informa que, nesta quinta-feira (14/04), policiais militares do 37ºBPM (Resende) em patrulhamento no município de Porto Real, na Região Sul Fluminense, foram acionados para verificar ocorrência de disparos de arma de fogo no bairro Nova Colônia. No local, a equipe policial verificou que ocorreu dano a um imóvel, sendo a perícia da Polícia Civil também acionada. Não houve feridos. A ocorrência foi encaminhada para a 100ª DP.”

O post Polícia civil analisa evidências de atentado contra prefeito de Porto Real apareceu primeiro em Diário do Vale.



Fonte: Diário do Vale