Operação na Vila Aliança deixa um morador e um suspeito mortos; comunidade continua isolada | Rio de Janeiro

0
47


No início da operação, em represália, bandidos montaram uma série de barricadas para tentar isolar a comunidade, na Zona Oeste do Rio.

O morador Jorge Fernandes, 61 anos, foi atingido na barriga por uma bala perdida. Ele foi levado para o Hospital Albert Schweitzer, mas chegou sem vida.

O suspeito morto foi identificado como Danilo Alves da Silva, conhecido como Cérebro. Ele foi levado para a mesma unidade de saúde, mas não resistiu aos ferimentos.

Até a última atualização desta reportagem, pelo menos 12 ruas ainda estavam bloqueadas — uma delas, por um caminhão da Comlurb.

Ônibus e caminhão são usados como barricadas na Vila Aliança

Ônibus e caminhão são usados como barricadas na Vila Aliança

Um morador estava em um ônibus que precisou dar ré diante de uma barricada. Com medo de irromper um tiroteio, passageiros se abaixaram no piso.

“A gente já dava de cara com o ônibus atravessado e com o que eles chamam de jacaré [vergalhão com pregos]. A gente já teve que recuar porque se, de repente, o Caveirão viesse atrás, ia vir tiro. Eles já estavam armados atrás do ônibus”, narrou.

Outro morador contou que o clima de insegurança começou às 4h.

“Sem condições de um cidadão de bem sair para trabalhar ou para ir a uma padaria. Está uma situação insuportável.”

O Globocop flagrou a ação de traficantes, que usaram veículos, pneus incendiados e vergalhões com pregos para bloquear vias, como a Rua Doutor Augusto Figueiredo e a Estrada do Taquaral.

Pelo menos quatro ônibus e um caminhão foram roubados e atravessados no início da manhã.

O Bom Dia Rio também mostrou intensa movimentação de bandidos armados em motos pela Vila Aliança.

Em redes sociais, moradores relataram medo de sair de casa. O Globocop ainda flagrou pessoas saindo da comunidade a pé.

Homens colocam fogo em barricada de pneus na Vila Aliança

Homens colocam fogo em barricada de pneus na Vila Aliança

A operação foi coordenada pela 90ª DP (Barra Mansa), com o apoio da Coordenadoria de Recursos Especiais (Core), a fim de cumprir mandados de busca e apreensão e de prisão expedidos pela 1ª Vara Criminal de Barra Mansa.

A polícia identificou que o tráfico da Vila Aliança se aliou a uma facção paulista e estabeleceu um “Eixo Rio-São Paulo”.

Ônibus interditava a Estrada do Taquaral, em Senador Camará, na manhã desta segunda (5) — Foto: Reprodução / TV Globo

Criminosos atearam fogo em pneus na Vila Aliança, Zona Oeste do Rio — Foto: Reprodução / TV Globo

Um caminhão interdita a Rua Doutor Augusto Figueiredo , em Senador Camará, na manhã desta segunda (5) — Foto: Reprodução / TV Globo

Criminosos tentam atear fogo em pneus durante operação da polícia na Vila Aliança — Foto: Reprodução / TV Gglobo

VÍDEOS: as notícias mais assistidas do G1 nos últimos 7 dias:



Fonte: G1

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui