Homem de 56 anos recebe alta de hospital após 16 dias internado por coronavírus em Volta Redonda

0
88



“Eu realmente me sinto um vitorioso e só tenho a agradecer a quem cuidou de mim”, disse Warley da Silva César, que chegou a ficar no CTI durante o período de internação. Motorista Warley da Silva César, de 56 anos, quando deixava o hospital
Divulgação/Hospital Municipal Dr. Munir Rafful
Um homem de 56 anos é mais um paciente recuperado de coronavírus em Volta Redonda, no Sul do Rio de Janeiro. Warley da Silva César esteve internado no Hospital Municipal Dr. Munir Rafful por 16 dias e recebeu alta na terça-feira (7).
A equipe médica da unidade comemorou a despedida de Warley, que é motorista e pai de oito filhos. “A alta do Warley foi muito celebrada por todos nós porque é uma vitória da esperança”, disse o diretor técnico do hospital, Hugo Barcelos.
De acordo com a prefeitura, o motorista deu entrada na unidade no dia 21 de junho, com queixa de dores fortes nas costas e falta de ar. Durante o tratamento, ele precisou ser internado no CTI respiratório.
+ Os números da pandemia na região
Para a esposa de Warley, o maior medo da família era que ele não reagisse bem e não voltasse para casa. “Quando tivemos a confirmação de que era Covid-19, eu fiquei sem chão. As crianças e eu chorávamos muito. Perdi o sono, mas nos agarramos em Deus”, contou Hosana.
Após a internação, o homem explicou que foram momentos de incerteza dentro do hospital, mas que conseguiu uma vitória por ter se recuperado da doença. “A sensação que eu tenho é a mesma de um atleta. Entrei na corrida sem saber qual seria o resultado, mas venci. Eu realmente me sinto um vitorioso e só tenho a agradecer a quem cuidou de mim”, finalizou.
De acordo com o último boletim epidemiológico, Volta Redonda tem 2.157 casos confirmados de Covid-19, 86 mortes e 1.548 pessoas recuperadas da doença.


Fonte: G1