Exames descartam morte por febre maculosa de funcionário de empresa terceirizada de Resende




Secretaria de Saúde divulgou na sexta-feira que o resultado deu negativo. Homem, de 39 anos, morreu no dia 15 de julho em Duque de Caxias. Exames de laboratório descartaram a morte por febre maculosa do funcionário de uma empresa terceirizada de Resende. A Secretaria de Saúde divulgou na sexta-feira (4) que o resultado deu negativo para a doença, tanto no PCR, quanto na sorologia.
O homem, de 39 anos, trabalhava na construção de uma ponte entre o distrito de Bulhões e o bairro Fazenda da Barra III.
O óbito foi no dia 15 de julho em Duque de Caxias (RJ), na Baixada Fluminense. Segundo a prefeitura de Resende, ele tinha passado mal e procurou uma unidade de saúde de Guapimirim (RJ), cidade em que tinha residência, entre a noite sexta-feira (15) e a madrugada de sábado (16), com sintomas apontados nos casos de febre maculosa.
Ainda no sábado, ele deu entrada em uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA), em Duque de Caxias, onde ocorreu o óbito.
Até a publicação desta reportagem, a causa da morte não havia sido informada.
O que é a febre maculosa?
É uma doença infecciosa causada por bactérias do gênero Rickettsia. No Brasil, segundo o Ministério da Saúde, duas espécies estão associadas à febre maculosa:
Rickettsia rickettsii, mais registrada do norte do Paraná e nos estados da região Sudeste, como Minas Gerais;
Rickettsia sp. cepa Mata Atlântica, que é registrada em áreas silvestres e apresenta sintomas mais leves.
Como ela é transmitida?
A transmissão em seres humanos ocorre por meio da picada do carrapato infectado pela bactéria causadora da doença. Os carrapatos permanecem infectados durante toda a vida, em geral de 18 a 36 meses. Veja o ciclo:
Ciclo da febre maculosa envolve carrapatos e capivara
Amanda Paes/G1
Como diminuir os riscos de infecção?
Quanto mais rápido uma pessoa retirar os carrapatos de seu corpo, menor será o risco de contrair a doença. Após a utilização, coloque todas as peças de roupa em água fervente para a retirada dos insetos.
Outras dicas do Ministério da Saúde:
Ao remover um carrapato da sua pele, use uma pinça para agarrá-lo e remova-o cuidadosamente.
Trate o carrapato como se estivesse contaminado: mergulhe-o em álcool ou jogue no vaso sanitário.
Limpe a área da mordida com antisséptico.
Lave bem as mãos.
Quanto tempo demora para os sintomas se manifestarem?
A doença pode demorar até duas semanas para se manifestar após o contato inicial com a bactéria.
Quais são os sintomas?
Os sintomas são parecidos com os de várias outras doenças, como a dengue. Febre alta, dor no corpo e dor no fundo dos olhos estão entre os principais, assim como dor de cabeça intensa, náuseas, vômitos, diarreia, insônia, manchas na pele.
A progressão da doença varia. Nem todos os pacientes desenvolverão todos os sinais ou sintomas. Por isso, o mais importante é examinar o corpo após entrar em áreas silvestres.
Como é o tratamento da febre maculosa?
Quanto mais cedo o paciente buscar uma unidade de saúde após a manifestação dos sintomas, maior será a chance de melhoria no quadro. O tratamento é feito com antibióticos específicos e, em alguns casos, a pessoa precisará ser internada. Todo o processo dura cerca de 10 dias.
Carrapato-estrela é o responsável por transmitir a febre maculosa
CDC/ Dr. Christopher Paddock/ James Gathany
Siga o g1 no Instagram | Receba as notícias no WhatsApp
VÍDEOS: as notícias que foram ao ar na TV Rio Sul



G1 Sul e Costa Verde