Estudante do MEP residente em SP é aprovada na UFRJ

0
9


Residindo atualmente em São Paulo, bairro Pirituba, a estudante Larissa descobriu o MEP nas redes sociais como espaço para estudar durante a pandemia – Foto: Divulgação MEP.

Volta Redonda- A ex-estudante do Pré-Vestibular Cidadão do MEP (Movimento Ética na Política em 2020) Larissa Pereira Bernardo, foi aprovada no curso de Farmácia para UFRJ(Universidade Federal do Rio de Janeiro) -Campus Macaé.

Residindo atualmente em São Paulo, bairro Pirituba, a estudante Larissa descobriu o MEP nas redes sociais como espaço para estudar durante a pandemia.

“Estou muito feliz mesmo, o MEP me ajudou muito, estava meio desmotivada no início de 2020, porém peguei firme nas aulas do Movimento e fiz o ENEM. Minha primeira opção foi a UFSP (Universidade Federal de São Paulo), aqui perto da minha casa, não deu. Porém ontem fui comunicada que saiu a vaga para UFRJ-Campus Macaé, pelo SISU. A nota 840 em redação me ajudou bastante. Graças a Deus, tenho parente na região, deixarei meu emprego e seguirei para lá. Estou animada a futura farmacêutica.

Gratidão

A estudante Larissa afirma que está se sentindo feliz e agradecida pela aprovação.

“Sou muito grata a todos vocês pela oportunidade de ingressar no MEP mesmo a distância, com certeza o trabalho de vocês fez toda a diferença. Nunca, jamais, pensem que é em vão. Vocês mudam o futuro dos jovens desse país. Agradeço demais por todo o acolhimento. Sou fã número 1 do projeto de vocês”, escreveu Larissa para os professores voluntários.

Para o professor Paulo Ricardo Cardoso, voluntário de matemática no MEP, a estudante Larissa, sempre foi muito assídua e participativa nas aulas. “Um belo exemplo, que faz a gente seguir”, comentou o professor Paulo.





Fonte: Diário do Vale