Homem apontado como chefe de uma das maiores quadrilhas de roubo de carga de cigarro do Sudeste é preso em Friburgo

0
128

Homem apontado como chefe de uma das maiores quadrilhas de roubo de carga de cigarro do Sudeste é preso em FriburgoUm homem de 36 anos, considerado um dos chefes de uma das maiores quadrilhas de roubo de carga de cigarros do Sudeste, foi preso na madrugada da última quarta-feira (5) em Nova Friburgo, na Região Serrana do Rio. A prisão é continuidade da Operação Sevilha, coordenada pela Polícia Civil de Minas Gerais, e que contou com o apoio de policiais do serviço reservado do 11º BPM e da 151ª DP, em Nova Friburgo.

De acordo com a polícia, agentes tentaram prender o homem ainda no fim de semana, quando ele estava em uma propriedade na cidade de Rio Bonito, na Região dos Lagos do Rio, mas o homem fugiu por uma mata nos fundos da residência, quando avistou os agentes chegando ao local. Na propriedade rural, avaliada em mais de R$ 1 milhão, foram localizados itens como arma de fogo, um veículo e documento falso.

O homem foi encontrado em uma residência no distrito de Amparo na quarta. Com ele foram apreendidos um revólver calibre 38, com numeração raspada, munições e três celulares. De acordo com a Polícia Civil de Minas Gerais, apurações indicaram que há seis mandados de prisão em aberto contra o acusado.

A operação teve início no dia 1º de agosto, quando a PCMG, com apoio do 11º BPM e da Polícia Rodoviária Federal (PRF), cumpriu mandados de busca, apreensão e de prisão de outro homem, de 34 anos, também considerado líder da quadrilha.

O homem estava no bairro Maria Teresa, também em Nova Friburgo, e com ele foram apreendidos R$ 20 mil reais em espécie, um carro de luxo avaliado em R$100 mil, que seriam proventos dos crimes investigados, além de outros objetos. Os dois homens presos na operação estão foragidos de uma unidade prisional de Campos dos Goytacazes, no Norte Fluminense.

A QUADRILHA

De acordo com a Polícia Civil, dados revelados por uma das empresas vítimas da prática criminosa, a Souza Cruz, indicam que a quadrilha atua há mais de 16 anos contra a companhia, em pelo menos três estados, entre eles, Minas Gerais, Espírito Santo e Rio de Janeiro. Segundo a empresa, somente nos últimos dois anos, estima-se que a organização teria sido responsável por 45 roubos, quando foram levados cerca de 13 milhões de cigarros, totalizando um prejuízo superior a R$ 4 milhões.

OPERAÇÃO SEVILHA

A Polícia Civil de Minas Gerais começou as investigações para desarticular a quadrilha especializada em roubos a veículos de carga de cigarros, sobretudo, de uma empresa do ramo, na Zona da Mata mineira, há cerca de um ano. De acordo com a Polícia Civil, os líderes da quadrilha trocavam de casa, cidade, telefone e carro, constantemente para não serem encontrados.

“A cada 15 e 20 dias, tínhamos que iniciar uma nova investigação para acompanhar os suspeitos”, afirmou o delegado da 3ª Delegacia Policial de Leopoldina, Márcio Rocha Vianna Dias. Com a prisão dos principais integrantes do grupo, a polícia busca, agora, os demais participantes da quadrilha e os receptores do material roubado.

“Vamos dar continuidade às investigações para identificar mais elementos vinculados à quadrilha e, principalmente, os receptadores das cargas, que foram subtraídas e são facilmente diluídas no mercado negro”, disse o delegado, Marcos Vignolo Alves.

As etapas da operação foram desencadeadas pela Delegacia de Furtos e Roubos de Leopoldina, em ação conjunta com a 28ª Delegacia de Polícia de Além Paraíba, com apoio da 27ª Delegacia de Polícia de Cataguases, da Agência de Inteligência Policial da Delegacia Regional de Leopoldina, da Polícia Militar de Nova Friburgo e da Polícia Civil do Rio de Janeiro (PCERJ) e da PRF.

Todas as nossas reportagens estão em constante atualização. Quem entender (pessoas físicas, jurídicas ou instituições) que tem o direito de resposta acerca de quaisquer de nossas publicações, por ter sido citado ou relacionado a qualquer tema, pode enviar e-mail a qualquer momento para plantaodoslagos@gmail.com

©Plantão dos Lagos
Fonte: Portal G1
Fotos: divulgação

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui