Confira a entrevista com Matheus Quintal, candidato à Prefeitura de Petrópolis pelo Republicanos | Região Serrana

0
46


No dia 15 de novembro 240.152 eleitores de Petrópolis, na Região Serrana, vão às urnas escolher quem vai ser o prefeito e os vereadores da cidade a partir de 1º de janeiro de 2021. E para ajudar o eleitor a definir o seu voto, o G1 convidou os 13 candidatos a participar de uma entrevista com cinco perguntas sobre temas que influenciam a vida da população.

Os candidatos que enviaram as respostas após o prazo não tiveram os seus conteúdos publicados. Respostas que ultrapassaram o limite de caractere, previamente informado, também foram cortadas para garantir o mesmo espaço de resposta a todos os postulantes.

Matheus Quintal é o candidato pelo Republicanos à Prefeitura de Petrópolis. Matheus tem 33 anos e é empresário. Esta é a primeira vez que ele concorre ao cargo eletivo.

Confira a entrevista com o candidato:

1. Caso eleito, quais medidas, na prática, o senhor pretende implementar para a população ter acesso a uma saúde pública de qualidade?

Vamos organizar a rede de saúde na atenção básica. Na nossa gestão, as equipes de agentes da saúde da família serão distribuídas para cobrir cada rua da cidade, e terão uma unidade básica de saúde na retaguarda. Assim vamos poder atuar na prevenção de doenças, dar atendimento domiciliar a quem precisa, distribuir medicamento sem desperdício e acompanhar a evolução de cada indivíduo. Também vamos implementar um sistema de marcação de exames e consultas remoto por aplicativo. Nos hospitais a classificação do que é urgência ou emergência será da equipe técnica, e não por meio do pedidos políticos.

2. Como o senhor (a) pretende usar novas tecnologias para tornar o atendimento público mais eficiente em alguma (s) área (s)? Explique sobre esse alinhamento do governo com as novas tecnologias.

Na saúde, a partir da distribuição das equipes de saúde de família vamos poder aplicar um prontuário e sistema de agendamento eletrônico, e com essa tecnologia podemos saber exatamente onde cada equipe passou, quantas pessoas atendeu, saber as doenças e exames que cada um fez, e dali fazer encaminhamento ao clínico, especialista, terapia, medicação prescrita e dispensada. O cidadão vai saber local, dia e horário do seu atendimento sem desperdiçar seu tempo precioso e a administração terá total controle da produtividade da equipe e do custo por cada paciente.

3. Infraestrutura da cidade: quais as prioridades e como atendê-las?

Nossas prioridades serão o combate às enchentes, garantir habitação digna e obras que foquem na melhoria da mobilidade urbana. Precisamos acabar com a tragédia anunciada que são vidas perdidas a cada verão. Vamos trabalhar para garantir moradia decente, em local com água, saneamento, escola, coleta de lixo e transporte. Petrópolis é uma cidade cheia de gargalos de infraestrutura, perdeu qualidade de vida. Se não fizermos obras pensando na mobilidade para que o transporte coletivo tenha prioridade sobre os carros, estamos na contramão das grandes cidades.

4. Quais serão as principais ações do governo voltadas para o desenvolvimento da economia local e geração de empregos?

O desenvolvimento de Petrópolis passa pelos distritos. Precisamos tirar da promessa o Distrito Industrial da Posse mas levar junto a infraestrutura necessária porque nem asfalto ou internet banda larga chegam ali. De outro lado, vamos reformular o calendário de eventos e incentivar a economia criativa. Isso vai trazer e manter o turista que vem consumir serviços como gastronomia, hotelaria e o nosso comércio como o polo do Bingen, Rua Teresa e Feira de Itaipava. E nesse sentido vamos resgatar o nosso polo têxtil com muita competitividade para usar nossa mão de obra qualificada.

5. Cite outras ações, além das citadas anteriormente, ou algum projeto específico que o senhor (a) gostaria de implementar e contar à população sobre?

Quero ser o prefeito que vai transformar Petrópolis em uma cidade inteligente. O cidadão poderá acompanhar os serviços e indicadores na palma da mão pela internet com transparência. Vai poder saber o horário do ônibus para não perder tempo, vai poder denunciar construções irregulares, solicitar coleta de lixo e ou tapa-buraco. Vamos fazer isso em parceria com a iniciativa privada. E vamos focar na educação, para garantir vagas e ensino de qualidade para todos; na saúde para acabar com as filas; e na mobilidade, para aproximar os distritos do centro e reduzir o tempo que as pessoas perdem no trânsito.

Vídeos: Funciona Assim – Eleições 2020



Fonte: G1