Confira a entrevista com Coronel Vieira Neto, candidato à Prefeitura de Petrópolis pelo PRTB | Região Serrana

0
31


No dia 15 de novembro 240.152 eleitores de Petrópolis, na Região Serrana, vão às urnas escolher quem vai ser o prefeito e os vereadores da cidade a partir de 1º de janeiro de 2021. E para ajudar o eleitor a definir o seu voto, o G1 convidou os 13 candidatos a participar de uma entrevista com cinco perguntas sobre temas que influenciam a vida da população.

Os candidatos que enviaram as respostas após o prazo não tiveram os seus conteúdos publicados. Respostas que ultrapassaram o limite de caractere, previamente informado, também foram cortadas para garantir o mesmo espaço de resposta a todos os postulantes.

Coronel Vieira Neto é o candidato pelo Partido Renovador Trabalhista Brasileiro (PRTB) à Prefeitura de Petrópolis. Vieira Neto tem 55 anos e é policial militar. Esta é a primeira vez que ele se candidata a um cargo eletivo.

Confira a entrevista com o candidato:

1. Caso eleito, quais medidas, na prática, o senhor pretende implementar para a população ter acesso a uma saúde pública de qualidade?

A saúde será, cada vez mais, preventiva. Vamos aproximar o médico das comunidades cumprindo o Programa de Saúde da Família. Diagnósticos e tratamentos precoces evitarão internações desnecessárias. Vamos reduzir a imensa fila existente para os exames e consultas de baixa complexidade, fornecendo vouchers para que a população possa ser atendida de maneira rápida e eficaz na rede privada. Para os exames de média e alta complexidade, iremos construir a Clínica de Imagens para agilizar o tratamento dos pacientes e aumentar significativamente os índices de cura das enfermidades.

2. Como o senhor (a) pretende usar novas tecnologias para tornar o atendimento público mais eficiente em alguma (s) área (s)? Explique sobre esse alinhamento do governo com as novas tecnologias.

Nossa meta é reduzir consideravelmente o tempo de atendimento dos cidadãos nos serviços públicos. Desde a saúde, com a utilização de sistemas fornecidos pelo Governo Federal, através do SUS, passando pela emissão de alvarás e licenças pela internet, além de reduzir os custos operacionais, vamos poder dar mais dignidade a todos que, em algum momento, precisem fazer uso de qualquer setor da administração municipal. A tecnologia servirá também para dar mais transparência e aumentar o controle dos processos administrativos em todas as áreas do serviço público.

3. Infraestrutura da cidade: quais as prioridades e como atendê-las?

Petrópolis não tem obras de grande porte há mais de 35 anos, as últimas foram a duplicação da Barão do Rio Branco e Rua Bingen. Há necessidade urgente de construção de pontes e acessos para melhoria da mobilidade de trafegabilidade, principalmente nos distritos. Obras de Contenção foram praticamente abandonadas nos últimos anos. A recuperação da usina de asfalto gerará asfalto suficiente para pavimentar as principais vias da cidade. Recuperar a frota da secretaria de obras e da Comdep, para facilitar a execução de obras e pavimentação da cidade. Tudo isso para gerar mais empregos e qualidade de vida.

4. Quais serão as principais ações do governo voltadas para o desenvolvimento da economia local e geração de empregos?

Com as obras de infraestrutura melhorando os acessos e a mobilidade urbana e o uso da tecnologia para agilizar os serviços públicos, novas empresas virão se estabelecer na cidade. A prefeitura trabalhará para a captação dessas empresas e caminhará junto aos empresários, dando mais segurança e agilidade para todos aqueles que quiserem empreender aqui. Com a criação de novos postos de trabalho em toda a cidade, iremos movimentar mais a economia, criando assim um ciclo de crescimento constante. Investir na qualificação técnica dos nossos jovens, para ajudá-los no ingresso no mercado de trabalho.

5. Cite outras ações, além das citadas anteriormente, ou algum projeto específico que o senhor (a) gostaria de implementar e contar à população sobre?

Petrópolis terá momentos difíceis com queda na arrecadação e redução orçamentária, ainda como consequência das medidas tomadas no combate à Covid. Vamos enxugar a máquina pública, com extinção de cargos comissionados e economia em todos os setores da administração municipal. Faremos auditorias sérias em todos os contratos das empresas prestadoras de serviços, para identificar possíveis desvios de finalidade e gastos desnecessários. Na educação, daremos ênfase aos modelos educacionais que prezem pela disciplina, qualidade do ensino e sem interferência político-partidária nas escolas.

Vídeos: Funciona Assim – Eleições 2020



Fonte: G1

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui