Centro cultural em Nova Friburgo, RJ, celebra 20 anos de fundação com apresentações on-line | Região Serrana

0
18


A Usina Cultural Energisa, em Nova Friburgo, na Região Serrana do Rio, completa 20 anos nesta quarta-feira (9) e preparou uma programação on-line para marcar a data. Quatro grupos de teatro da cidade foram convidadas para apresentar trabalhos.

As apresentações foram dividas em diferentes das datas ao longo do mês. Nesta quarta, de manhã, a artista “Belinha e sua malinha” animou a festa com direito à história surpresa em comemoração às inúmeras atividades que foram oferecidas durante esse período, sempre com o objetivo de democratizar o acesso aos bens culturais e incentivar produtores da economia criativa.

A próxima apresentação será nesta quinta-feira (10). Serão realizadas duas sessões com o documentário ‘Os invisíveis’, que mistura ficção e realidade sobre a tragédia das chuvas na Região Serrana em 2011. As sessões serão às 16h e 20h.

De acordo com os responsáveis pela Usina, nesses 20 anos de história, estimasse que já passaram pelo espaço cultural cerca de 250 mil pessoas, ente artistas, colaboradores e público.

O espaço também recebe exposições de artistas locais. Atualmente, a sala de exposições está fechada para visitas presenciais por conta da pandemia.

Dias 10, 17 e 24/06 (quinta-feira) – sessões às 16h e às 20h

“Os invisíveis” (filme) com a Companhia Arteira: Documentário que flerta com alguns elementos ficcionais, já que parte de relatos colhidos de sobreviventes das chuvas de 2011, que destruíram grande parte da cidade de Nova Friburgo e que são revistos e revividos pelos atores. O misto de ficcionalidade e realidade se conflituam conceitualmente, porém as falas, as histórias, os dramas vividos naqueles dias ganham um outro corpo e outra voz, ressoando novamente depois de exatos 10 anos do incidente.

Dia 16 (quarta-feira) – 20h

“Caleidoscópio Urbano” com a Trupe Teatral Cômicos Anônimos: Diversas faces de uma cidade com observações críticas, mas suave e, por alguns momentos, romântica. Assim como um caleidoscópio ao ser girado, tudo se mistura e as histórias propõem ao público uma reflexão.

Dia 23 (quarta-feira) – 20h

“A aposta” com o grupo Teatro Expressão: A peça, passada na Rússia em 14 de novembro de 1870, passeia entre o realismo e o absurdo dando a impressão da opressão na época por temas religiosos e políticos que marcaram o mundo.

Dia 30 (quarta-feira) – 20h

“Usina Cultural, 20 anos – Grupo em Grupo, 34″ com o Grupo em Grupo de Artes Cênicas: Videodocumentário com depoimentos de fundadores do grupo contando a sua trajetória no cenário cultural de Nova Friburgo.



Fonte: G1