Triângulo amoroso: homem é morto a facadas no Porto Velho

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp



José Carlos da Silva, de 57 anos, foi brutalmente assassinado, à facadas, depois de sair de uma festa, na noite do dia das mães (08), no Porto Velho, em São Gonçalo. O crime foi cometido por conta de um triângulo amoroso. 

Leiturista (profissional que faz a leitura do consumo de energia, gás e água nas residências), José vivia uma relação de idas e vindas com uma mulher, que também mantinha uma outra relação. No último domingo, José foi a uma festa, perto de casa, na Travessa Pernambuco. A mulher chegou ao local, e, após curtir a festividade, os dois saíram juntos. O outro homem com o qual a mulher se relacionava estava na porta. 

“Alguém avisou a ele e ele estava lá esperando os dois saírem. Ele efetuou duas facadas. Uma pegou no braço e outra no tórax. Zé chegou a correr, mas morreu aí mesmo”, contou uma testemunha. Após cometer o crime, o homem fugiu. 

José deixou um filho de 25 anos, e foi casado por 30 anos. Há dois ele estava separado, mas mantinha uma boa relação com a ex-esposa. 

“Um amigo. Uma pessoa boa, honesta”, descreveu um familiar, no Instituto Médico Legal (IML), enquanto aguardava a liberação do corpo para sepultamento. 

Agentes da Divisão de Homicídios de Niterói,  Itaboraí e São Gonçalo estão investigando o caso e vão pedir a prisão do autor do crime.



Fonte: O São Gonçalo